Hollywood vai em massa à Comic-Con

Estrelas desambarcam em bando na feira para promover lançamentos

EFE |

© AP
Angelina Jolie responde pergunta no painel de Salt no evento em San Diego
Longe dos sofisticados festivais e do "glamour" de Hollywood, as grandes estrelas de cinema se expuseram mais uma vez aos fãs na edição deste ano da grande feira de quadrinhos de San Diego, a Comic-Con. Angelina Jolie, Sylvester Stallone, Bruce Willis e Jeff Bridges já desfilaram na 41ª edição da feira, por onde também passou Johnny Depp, vestido como um pirata, que cumprimentou seus fãs e falou sobre as filmagens da próxima aventura da saga Piratas do Caribe .

Os grandes estúdios de cinema não poupam tempo para promover seus próximos filmes diante do exigente público do Comic-Con, um evento em que os quadrinhos cada vez mais parecem uma desculpa para justificar a reunião em massa de devotos de personagens sobrenaturais, seja de livros, filmes ou videogames. Pouco importa se gostam de sair às ruas vestidos de Harry Potter, Bart Simpson, Super-Homem, Batman ou Pokemon, se carregam uma réplica do sabre de luz de Star Wars ou um chicote no estilo Indiana Jones. Eles compõem uma legião cuja opinião vale milhões de dólares.

© AP
Fã vestido de Homem-Aranha participa em uma das atividades da Comic-Con
As pessoas que participam da feira fazem parte de uma distinta comunidade global de devotos de super-heróis e outros personagens fictícios, com capacidade para elevar ou afundar qualquer trabalho que embarque neste mundo mágico em que vivem, simplesmente pelo uso de suas palavras nos blogs ou nos fóruns de internet. Basta ver o caso de Tron - O Legado , filme que estreará dia 17 de dezembro nos EUA e no Brasil, 28 anos depois de seu antecessor, Tron (1982). A longa espera foi devido à falta de confiança da Disney em um projeto que não encontrava roteiro e diretor adequados. O estúdio decidiu, em 2008, apresentar na Comic-Com uma pequena prévia do que poderia ser a produção, sem ter decidido ainda sobre sua realização. A grande "benção" dada pelos fãs acabou tirando todas as dúvidas do estúdio, que pôs à disposição do diretor Joseph Kosinski um orçamento estimado de US$ 150 milhões.

Tron - O Legado apareceu novamente no Comic-Com este ano, pelo terceiro ano consecutivo, com a produção já quase finalizada e com Jeff Bridges marcando presença para garantir o carinho dos fãs, assim como Sylvester Stallone fez para Os Mercenários , filme que escreveu, dirigiu e protagonizou – o mesmo que o fez vir ao Brasil para gravar e que gerou depoimentos polêmicos sobre o país durante o evento. Stallone foi recebido pelo coro de "Rocky! Rocky!", ecoado por cerca de 6 mil pessoas no auditório principal do centro de convenções de San Diego, demonstrando que seus fãs não o esquecem, embora ainda aguardem para conferir se sua última criação corresponde às expectativas criadas.

Bruce Willis, que atua como coadjuvante em Os Mercenários , assim como Arnold Schwarzenegger, apoiou Stallone nessa tarefa, aproveitando que já estava por lá para apresentar Red , seu novo filme baseado em uma comic novel sobre um agente da CIA. Angelina Jolie, como sempre inacessível à imprensa, se encontrou por meia hora com milhares de fãs na apresentação de Salt , contando sobre as cicatrizes que ganhou durante as filmagens do novo longa metragem. A lista de famosos de Hollywood que fazem campanha por seus trabalhos nesta edição do Comic-Com inclui nomes como Will Ferrell, Tina Fey, Nicolas Cage, Michael Cera, Eva Mendes e Seth Rogen, entre outros.

    Leia tudo sobre: Comic Concinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG