"Hoje" vence Festival de Cinema de Brasília

Longa de Tata Amaral recebeu seis prêmios, incluindo melhor atriz para Denise Fraga

Agência Estado |

Divulgação
Cena de "Hoje", de Tata Amaral
"Hoje", de Tata Amaral, é o grande vencedor do 44º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro. O longa-metragem paulistano ganhou também os candangos de atriz (Denise Fraga), além de roteiro, fotografia, direção de arte e o prêmio da crítica. "Meu País" foi o segundo mais premiado, com os troféus de direção (André Ristum), ator (Rodrigo Santoro), montagem, trilha sonora, além do troféu do Júri Popular.

Siga o iG Cultura no Twitter

"L", de Taís Fuginaga, ganhou o troféu de melhor curta-metragem, enquanto "O Céu, o Inferno e Outras Partes do Corpo", de Rodrigo John, ficou com a estatueta de melhor filme de animação, categoria que recebeu premiação à parte pela primeira vez este ano.

Brasília fez um festival marcado pelas polêmicas, com várias mudanças em relação aos anos anteriores. Entre elas a exibição simultânea dos concorrentes em cidades-satélites como Taguatinga, Ceilândia e Sobradinho. Os suportes digital e película foram unificados. O festival foi antecipado de novembro para final de setembro. A premiação em dinheiro foi reforçada. O filme vencedor ganhou R$ 250 mil.

 A mais polêmica das novidades foi a possibilidade de filmes já exibidos em outros festivais concorrerem. Antes, era dada preferência aos inéditos. A cerimônia de entrega dos prêmios, realizada hoje no Cine Brasília, foi marcada por protestos de realizadores locais, que reivindicam a volta da Mostra Brasília ao cinema, que é o principal palco do festival.

Confira a lista completa dos vencedores

LONGA-METRAGEM BRASILEIRO
Melhor filme : "Hoje", de Tata Amaral
Melhor direção : André Ristum, por "Meu País"
Melhor ator : Rodrigo Santoro, por "Meu País"
Melhor atriz : Denise Fraga por "Hoje"
Melhor ator coadjuvante : Ramon Vane, por "O Homem que Não Dormia"
Melhor atriz coadjuvante : Gilda Nomacce, por "Trabalhar Cansa"
Melhor roteiro : "Hoje"
Melhor fotografia : "Hoje"
Melhor direção de arte : "Hoje"
Melhor trilha sonora : "Meu país"
Melhor som : "As Hiper Mulheres"
Melhor montagem : "Meu País"

CURTAS
Melhor filme : "L", de Thais Fujinaga
Melhor direção : Thais Fujinaga, diretora de "L"
Melhor ator : Horacio Camandulle, por "De Lá pra Cá"
Melhor atriz : Eloina Duvoisin por "A Fábrica"
Melhor roteiro : "A Fábrica"
Melhor fotografia : "Imperfeito"
Melhor direção de arte : "Premonição"
Melhor trilha sonora : "Ser tão Cinzento"
Melhor som : "De Lá pra Cá"
Melhor montagem : "Ser tão Cinzento"
Melhor curta de animação : "Céu, Inferno e Outras Partes do Corpo", de Rodrigo John

JÚRI POPULAR
Melhor longa-metragem : "Meu país", de André Ristum
Melhor curta-metragem : "A Fábrica", de Aly Muritiba
Melhor curta de animação : "Rái sossaith", de Thomate

PRÊMIO DA CÂMARA LEGISLATIVA DO DF
Melhor longa-metragem : "Cru", de Jimi Figueiredo
Melhor curta-metragem : "Deus", de André Miranda

PRÊMIO DA CRÍTICA
Melhor longa-metragem : "Hoje", de Tata Amaral
Melhor curta-metragem : "L", de Thais Fujinaga

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG