Festival de Sundance celebra vitalidade dos independentes

Evento norte-americano teve recorde de inscritos; "Tropa de Elite 2" será exibido

AFP |

Divulgação
Cena de "Todos tus Muertos"
A 27ª edição do Festival de Cinema de Sundance começa nesta quinta-feira em Park City (Utah, oeste dos EUA) com quase 120 filmes na programação, entre eles o brasileiro "Tropa de Elite 2". O filme de José Padilha, recorde de público no Brasil, será apresentado fora da competição em um festival no qual os organizadores se propõem a mostrar que, apesar da crise econômica, a vitalidade do cinema independente permanece perante a força de Hollywood.

Na mostra competitiva, destacam-se o filme colombiano "Todos tus Muertos", o mexicano "Asalto al Cine" e o cubano "Boleto al Paraíso". O Festival, convetido com o passar dos anos na "meca" do cinema independente nos Estados Unidos, foi fundado pelo ator Robert Redford para contrabalançar o poder comercial dos estúdios de Hollywood.

A ironia da história é que agora ele é o maior e mais prestigiado festival de cinema dos Estados Unidos. Sundance tornou-se um lugar privilegiado, onde os estúdios aproveitam para fazer negócios para suas divisões de "filmes de arte" e buscar novos talentos em todas as áreas da indústria, desde atores até diretores e roteiristas.

"O número de filmes que apresentam sua candidatura no festival continua sendo muito alto: ultrapassamos os 10 mil pela primeira vez neste ano", declarou à AFP John Cooper, diretor-geral do festival. "É uma notícia muito boa para a vitalidade do cinema independente", acrescentou.

O Festival apresenta neste ano 118 longa-metragens, entre eles 40 estreias de filmes (26 em concorrência) e 95 "première" mundiais, provenientes de 29 países. "Durante a programação desta edição, fomos mais longe, reforçamos fortemente nossas relações internacionais e melhoramos a qualidade dos filmes estrangeiros selecionados", afirma John Cooper.

A imensa maioria das produções apresentadas em Sundance - cuja feira de venda de filmes é uma das mais importantes do mundo - chega sem distribuidor, e Cooper garante que "os compradores estão muito impacientes por descobrir alguns filmes, e espera-se um mercado muito ativo".

Um dos filmes hispânicos que estarão na competição são "Todos tus Muertos", obra colombiana dirigida e co-escrita por Carlos Moreno, que fala da história de Salvador, um camponês humilde cuja tranquilidade é perturbada quando descobre que há vários cadáveres em suas plantações de milho. O mexicano "Asalto Al Cine", de Iría Gómez Concheiro, compete na seção Ficção Internacional com sua trama centrada em um grupo de jovens das colônias Guerrero e Iztapalapa, que pensam que um roubo resolverá seus problemas.

O último filme do cubano Gerardo Chijona, "Boleto al Paraiso", baseado no livro "Confesiones a un Médico", também compete com sua história sobre os fatos lamentáveis de 1993, quando jovens entre 17 e 20 anos injetaram sangue contaminado com Aids em si mesmos.

Neste ano, Sundance deverá honrar mais uma vez sua reputação de vitrine dos melhores documentários do mundo, especialmente com o novo filme do britânico James Marsh, "Project Nim", centrado no chimpanzé Nim. Marsh recebeu um Oscar em 2009 por "O Equilibrista", seu documentário sobre o francês Philippe Petit, que causou sensação em 1974 ao se equilibrar entre as torres do World Trade Center, em Nova York.

O terror, os filmes de orçamentos baixos e a guerra, tema recorrente em Sundance, voltarão a estar presentes na programação. O filme "Hell and Back Again" de Danfung Dennis, segue a missão de um militar no Afeganistão, mas o cinema também enfoca a questão econômica com "The Flaw", de David Sington, que gira em torno da crise da economia mundial em 2008.

No lado da ficção, o festival apresentará muitos novos talentos, mas também filmes de atores que, desta vez, ficaram atrás das câmeras, como em "Higher ground", de Vera Farmiga (a mulher que conquista George Clooney em "Amor sem Escalas", de Jason Reitman).

    Leia tudo sobre: Sundance

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG