Emir Kusturica quer adaptar para o cinema romance de Ivo Andric

Cineasta pede apoio estatal para construir cidade histórica para servir de cenário ao filme

AFP |

Getty Images
O cineasta Emir Kusturica
O cineasta sérvio Emir Kusturica, duas vezes ganhador da Palma de Ouro no Festival de Cannes, pediu nesta sexta-feira às autoridades bósnias apoio para seu projeto de filme inspirado na obra-prima "Ponte sobre o Drina", de Ivo Andric, prêmio Nobel de Literatura.

Para adaptar o romance para o cinema, Emir Kusturica, quer construir a cidade histórica de Kamengrad, próxima à famosa ponte, situada em Visegrad, leste da Bósnia. O cenário pode ser utilizado depois das gravações, como atração turística.

"Para que este projeto cultural grandioso seja colocado em prática, o Estado deve apoiá-lo", informou Kusturica ao jornal bósnio Glas Srpske, sem fornecer detalhes sobre o custo estimado do projeto.

"Até o momento, a Sérvia está interessada em apoiar as filmagens (...) e o presidente da Republika Srpska (entidade sérvia da Bósnia), Milorad Dodik, está pronto e com vontade de ajudar na construção de Kamengrad, em Visegrad", declarou Kusturica, acrescentando que as obras devem começar este verão.

Ivo Andric foi criado pela família de sua mãe em Visegrad, às margens do Drina, onde se encontra uma ponte otomana do século XVI que atravessa o rio. "Ponte sobre o Drina" retrata a história da Bósnia e de suas comunidades que se cruzam e se destroem.

Em 1961, Andric recebeu o prêmio Nobel de Literatura "pela força épica com a qual traçou os temas e pintou os destinos humanos desenhados pela história de seu país".

Desde o fim do conflito étnico, a Bósnia está dividida em duas entidades semi-independentes, a Republika Srpska sérvia e a Federação Croato-Muçulmana. As duas organizações são ligadas por fracas instituições centrais.

    Leia tudo sobre: Emir KusturicaIvo Andric

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG