Diretor quer filmar continuações de "Millenium" simultaneamente

Primeiro filme da série, "Os Homens Que Não Amavam as Mulheres", estreia nesta semana nos EUA

EFE |

Divulgação
Cena de "Os Homens que Não Amavam as Mulheres"
"Os Homens Que Não Amavam as Mulheres", o primeiro filme da saga "Millenium", que estreia nesta semana nos Estados Unidos, terá duas sequências que serão filmadas de forma simultânea, informou nesta segunda-feira o site da revista "The Hollywood Reporter".

Esses são os planos do diretor David Fincher para os outros dois romances de Stieg Larsson, "A Menina que Brincava com Fogo" e "A Rainha do Castelo de Ar".

"Os dois livros seguintes são praticamente uma só história. Não me parece prudente viajar até a Suécia para filmar por um ano, voltar, lançar o filme, voltar a Suécia por mais um ano, e voltar de novo...", explicou Fincher aos jornalistas na semana passada.

Na decisão, o diretor também levou em conta a agenda de seus atores principais, especialmente a de Rooney Mara, que interpreta a heroína Lisbeth Salander. "Não acho que Rooney queira estar fazendo isto dentro de quatro anos", comentou o diretor de "A Rede Social".

Rooney e o ator Daniel Craig têm contrato assinado para as continuações, mas os estúdios Sony ainda precisam dar seu sinal verde para as filmagens, o que dependerá do rendimento de "Os Homens Que Não Amavam as Mulheres".

"Se quero ver uma sequência deste filme? Ficaria contente por todos que estivemos envolvidos, já que significaria que muita gente foi ver a primeira e gostou. Se preciso ver uma sequência? Não, há muitas emoções no final, mas a história está completa", refletiu Fincher.

    Leia tudo sobre: CinemaDavid FincherMillenium

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG