Coleção reúne filmes da Mostra Internacional de Cinema

Primeira leva de DVDs inclui "Horas de Verão", do cineasta francês Olivier Assayas

Agência Estado |

Fãs dos filmes de arte, aqueles distantes dos blockbusters de Hollywood, sabem da importância da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo - foi graças à aceitação do evento pelo público que os distribuidores passaram a arriscar e a programar, por exemplo, obras do Irã. Esse avanço se estende agora ao DVD, com a união da Mostra com a Livraria Cultura. Juntas, elas criaram a coleção "Cultura Mostra" para lançar em disco filmes que foram sucesso em diferentes edições do festival.

A primeira fornada, já disponível, é eclética e de bom gosto: o familiar "Horas de Verão", de Olivier Assayas; o abusado "Shortbus", de John Cameron Mitchell; o delicioso "Canções de Amor", de Christophe Honoré; e o minimalista mas muito divertido "Vocês, os Vivos", de Roy Andersson.

Com curadoria dos organizadores da Mostra, Leon Cakoff e Renata de Almeida, a seleção vai aumentar em pelo menos mais 20 títulos em 2011 e já estão confirmados o delicado "Hanami - Cerejeiras em Flor", de Doris Dörrie; o documentário "Os EUA Contra John Lennon", de David Leaf e John Scheinfeld; e o terror sueco "Deixa Ela Entrar", de Tomas Alfredson.

Juntos, formam uma verdadeira salada cultural. "Horas de Verão" conta a história de uma família que comemora o aniversário da matriarca. Ao lado dos filhos que moram fora, discute-se o legado do tio pintor, em torno de quem há um culto do qual a mãe é a oficiante. Em seguida, a família reúne-se de novo para saber o que fazer com o espólio - pois a mãe morreu e a casa, os objetos, incluindo quadros e mobiliário do tio, aguardam uma definição. O filme chega em um momento crucial: memória tem valor?

    Leia tudo sobre: Mostra de São Paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG