White Material - Cinema - iG" /

Claire Denis filma com talento a tragédia africana em White Material

VENEZA ¿ Nem sempre são fáceis os filmes da francesa Claire Denis. Mas ¿White Material¿, exibido na competição do Festival de Veneza, é dos mais simples de seguir. A diretora foi à África onde passou parte da vida ¿ seu pai era oficial do exército e vivia nas colônias da França no continente ¿ para contar a história de Maria Vial (Isabelle Huppert, ótima como sempre).

Mariane Morisawa, enviada especial a Veneza |

Divulgação

Em "White Material", Isabelle Huppert vai à África em belo filme da diretora Claire Denis

A família de seu marido (Christophe Lambert) vive ali há duas gerações, plantando café. Quando o exército decide caçar o oficial rebelde e líder de parte da população chamado de Lutador, milícias são formadas e até crianças viram soldados, o lugar vira um caos. Os estrangeiros são evacuados, mas Maria recusa-se a deixar a fazenda, onde a colheita está prestes a ser feita. Sua teimosia terá consequências trágicas.

Claire Denis filma com talento, mas não explicita exatamente no papel dos europeus em geral a tragédia que é a África. Fica claro o ódio que os brancos despertam, por conta dos abusos. E também como, numa situação de conflito, bons não são separados de maus e todos entram no mesmo balaio. É um excelente trabalho da cineasta, que merecia ser premiado.

Leia as últimas notícias do Festival de Veneza

    Leia tudo sobre: festival de veneza

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG