Christian Bale é agredido ao tentar visitar dissidente chinês

Ator está no país para promover o filme "The Flowers of War", de Zhang Yimou

EFE |

Getty Images
Christian Bale
O ator britânico Christian Bale, que se encontra na China para promover o filme "The Flowers of War" ("As Flores da Guerra", em tradução livre), foi empurrado e sacudido por policiais chineses quando tentava visitar o famoso dissidente cego Chen Guangcheng.

Bale, que estava acompanhado por jornalistas da emissora americana "CNN", protagonizou cenas de tensão com os guardas que vigiam a casa do dissidente, isolado e sob prisão domiciliar apesar de não ser acusado por nenhum delito.

Nas imagens divulgadas pela "CNN", se pode ver que Bale não tenta resistir às autoridades e se mostra tranquilo, frente ao nervosismo dos policiais que o empurram. Além das agressões, o veículo em que viajava foi perseguido durante 40 minutos e sofreu alguns danos.

O filme, dirigido por Zhang Yimou ("Herói", "O Clã das Adagas Voadoras"), retrata o massacre que os japoneses produziram na cidade chinesa de Nanquim em 1937. "The Flowers of War", indicado ao Globo de Ouro, estreará na China nesta sexta-feira.

    Leia tudo sobre: Christian Balecinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG