Desafio das Águias e Gran Torino " / Desafio das Águias e Gran Torino " /

Caixa celebra 80 anos de Clint Eastwood

Box traz 19 DVDs, com filmes como Desafio das Águias e Gran Torino

iG São Paulo |

Reuters
Clint Eastwood
Considerado um dos maiores cineastas da atualidade, Clint Eastwood completa 80 anos hoje. Ícone do cinema nos anos 60, 70, 80, 90 e 2000, o ator, diretor e produtor passeou por vários gêneros (faroeste, drama, policial, guerra, romance), sempre tendo como destaque um trabalho sério e cuidadoso. A cara quase sempre fechada e as falas repletas de mau humor dos seus personagens, no entanto, não escondem outra característica que torna Eastwood um diretor genial: a sensibilidade.

Mesmo depois de ter declarado que não iria comemorar seus 80 anos e que não queria presentes, o cineasta ganhou uma homenagem da Warner Bros., da qual é contratado desde 1975. A empresa lançou, nos Estados Unidos, a coleção Clint Eastwood, com 35 filmes em que ele trabalhou como diretor e/ou ator. O box é composto por 19 DVDs e é o maior já lançado com obras de um único artista. Na seleção, antigos clássicos e filmes mais recentes, como O Desafio das Águias (1969) e Gran Torino (2008). No Brasil, a caixa é vendida por R$ 673,50.

Fanático por jazz e exímio pianista, o diretor, que nasceu em São Francisco, Califórnia, insere sempre que possível o gênero musical na trilha sonora dos seus longas, que contam também com sua colaboração como compositor. "Vi uma foto do Clint, no set de As Pontes de Madison, em que ele estava ajeitando um refletor. Isso é de uma sensibilidade incrível. Se o cinema fosse uma entidade religiosa, o Clint seria um dos santos no altar", diz o diretor Walter Carvalho. Ao todo, Eastwood já dirigiu 33 filmes, o que faz dele um dos cineastas mais produtivos de todos os tempos.

Sua versatilidade influencia cineastas de várias partes do planeta, inclusive do Brasil. Vicente Amorim ( Um Homem Bom , 2008) é um deles. "Por causa de Corações Sujos (próximo longa do diretor, que deve ser lançado em 2011) vi e revi Cartas de Iwo Jima (de Eastwood) muitas vezes", diz Amorim. "Um dos atores desse filme do Clint - Tsuyoshi Ihara - é a estrela do meu. Além disso, também usei a mesma tradutora e o mesmo produtor de elenco que ele", afirma o diretor brasileiro, que, em Corações Sujos , contará a história de imigrantes japoneses que acreditavam que o Japão tinha vencido a 2ª Guerra Mundial.

    Leia tudo sobre: Clint Eastwood

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG