Atriz de "Titanic" morre aos 100 anos

Gloria Stuart chegou a ser indicada ao Oscar pelo épico de James Cameron

iG São Paulo |

AP/Divulgação
Gloria Stuart, pouco depois de completar 100 anos, e no início da carreira, na década de 1930
A veterana atriz norte-americana Gloria Stuart, 100 anos, conhecida por seu papel em "Titanic" (1997), morreu ontem em Los Angeles. A informação foi confirmada pela família da atriz, que sofria há cinco anos de um câncer no pulmão.

Estrela de musicais e filmes de horror na década de 1930, como "Frankenstein" e "O Homem Invisível", Stuart conseguiu uma indicação ao Oscar por "Titanic", aos 87 anos, e é até hoje a mais velha atriz a concorrer ao prêmio. Ela perdeu para Kim Basinger e seu "Los Angeles Cidade Proibida", mas ganhou a mesma honraria do Sindicato dos Atores, órgão que ajudou a fundar.

À época do lançamento de "Titanic", o diretor James Cameron afirmou que queria escalar alguém que havia vivido a era de ouro de Hollywood. Stuart, por sua vez, concordou que era uma das poucas atrizes de sua idade que "ainda estava disponível, sem problemas com álcool, reumatismo ou caindo por aí".

"Titanic" venceu 11 estatuetas no Oscar e arrecadou US$ 1,8 bilhão nas bilheterias mundiais, sendo superado apenas por "Avatar", este ano, com US$ 2,7 bilhões.

Stuart se aposentou das telas nos anos 1940, mas voltou à ativa 40 anos depois, na série "Assassinato por Escrito". Depois de "Titanic", ainda apareceu em "O Hotel de Um Milhão de Dólares" e "Medo e Obsessão", ambos de Wim Wenders, e em seriados como "General Hospital".

Foi casada duas vezes, primeiro com o escultor Blair Gordon Newell e depois com o roteirista Arthur Sheekman. Deixa uma filha, quatro netos e 12 bisnetos.

* com EFE

    Leia tudo sobre: gloria stuarttitanic

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG