Atriz foi indicada ao Globo de Ouro de melhor atriz cômica pelo filme "O Turista"

Angelina Jolie
Getty Images
Angelina Jolie
A atriz Angelina Jolie diz que fazer apenas personagens inteligentes não é um requisito em sua carreira e afirma que gosta da comédia, mas admite que "há muitas outras atrizes que fazem muito melhor" que ela. "Não me importaria fazer uma mulher não tão esperta e bem mais divertida, de fato estou olhando um roteiro no qual o personagem é meio louco", disse a artista em uma entrevista ao jornal "El Mercurio".

"Mas, por mais que goste de fazer comédia, há muitas outras atrizes que fazem muito melhor", acrescentou. "Ou quando é um papel mais doce, sei que não sou a mais indicada para fazê-lo", cotou a protagonista de "Lara Croft: Tomb Raider", " Sr. & Sra. Smith" e "Garota, Interrompida", que lhe rendeu um Oscar de melhor atriz coadjuvante, o único que ganhou.

Angelina anunciou que à medida que seus seis filhos forem crescendo vai pensar em fazer menos filmes, ao ponto de se ausentar por alguns anos da telona quando eles forem adolescentes. "Com o tempo acho que farei menos e menos filmes, sempre será agradável ser uma artista e criar, mas minha prioridade é estar com meus filhos quando eles crescerem", disse. "Quando tiver seis adolescentes garanto que ficarei alguns anos longe do cinema, mas certamente serei mais ativa por ajudar a criar o mundo que quero, especialmente com eles".

Em seu empenho por explorar novos horizontes criativos, Angelina escreveu e dirigiu um filme cuja gravação acaba de ser finalizada na Bósnia, ainda sem título. "Tivemos uma experiência muito unida com a equipe e os atores", disse, e acrescentou que este mês editará o longa: "Nunca fiz. Tudo é tão novo para mim", disse a filha do ator John Voigt e candidata ao "Globo de Ouro" pelo filme "O Turista", filmado em Veneza com Johnny Depp, também indicado ao prêmio.

Apesar de a imprensa ter dito que os atores não se deram bem, Angelina foi só elogios, dizendo que Depp "é tão maravilhoso como desejava que fosse" e "mais genial e interessante do que pensei". "O vi com sua família e é um excelente pai. É divertido, nobre, uma espécie de homem renascentista: pode pintar, fazer música; é desse tipo de artista que a gente se pergunta: como alguém pode ser tão criativo?", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.