Al Pacino fará o papel de Phil Spector no cinema

Ator interpretará o lendário produtor fonográfico condenado a 19 anos de prisão pelo assassinato da atriz Lana Clarkson

EFE |

Al Pacino interpretará o lendário produtor fonográfico Phil Spector, condenado a 19 anos de prisão por assassinato, em um filme para o canal de televisão por cabo "HBO", informou nesta sexta-feira o jornal "The New York Times".

David Mamet será o encarregado de dirigir e escrever o roteiro do filme, que contará com Barry Levinson, vencedor do Oscar por "Rain Man", como produtor executivo.

Pacino recentemente conquistou o Emmy de Melhor Ator por "You Don't Know Jack", a minissérie dirigida pelo próprio Levinson para a "HBO" sobre o médico Jack Kevorkian, apelidado de "doutor morte" por praticar a eutanásia em centenas de pacientes.

O produtor musical, de 70 anos, foi declarado culpado de matar a tiros a atriz Lana Clarkson há seis anos, após um segundo julgamento terminado em abril de 2009.

Ficou provado em um tribunal da Califórnia que Spector assassinou Lana Clarkson com um disparo na boca em 3 de fevereiro de 2003, horas depois que ambos saíram de um clube noturno onde a mulher trabalhava.

O primeiro julgamento foi cancelado em 2007 devido a um impasse do júri sobre o veredicto. Foi um ponto e final desagradável para uma carreira única que começou na década de 1950, quando Spector produziu alguns dos grandes sucessos da época, como "Be My Baby", "Da Doo Ron Ron" e "You've Lost That Lovin' Feelin'".

Ele também trabalharia com a mixagem de algumas músicas inacabadas dos Beatles para a edição final de "Let It Be". Pacino, de 70 anos, não quis perder a oportunidade de assumir mais um desafio em sua carreira. "Ele viu um personagem muito interessante de interpretar e gosta da sensibilidade de David e Barry", declarou ao "The New York Times" John Burnham, agente de Pacino, Mamet e Levinson.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG