"A Centopéia Humana" provoca nojo e gargalhadas

Filme de horror é história curiosa de cirurgião que une pessoas por bocas e ânus

Guss de Lucca, iG São Paulo | 05/07/2010 14:03

Compartilhar:

Foto: Divulgação

Vítimas são ligadas por suas bocas e ânus no filme de horror "A Centopéia Humana (Primeira Sequência)"

Depois de causar muito burburinho na internet, o filme de horror holandês "A Centopéia Humana (Primeira Sequência)" foi exibido neste fim de semana durante o II SP Terror - evento dedicado aos filmes de horror e fantasia em São Paulo.

Em uma sessão esgotada, os paulistas assistiram ao longa-metragem do diretor Tom Six, que conta a história do cirurgião alemão Dr. Heiter (Dieter Laser) e seu plano mirabolante: unir pessoas ligando cirurgicamente suas bocas e ânus para formar uma única criatura - a tal da centopéia humana.

As azaradas da vez são as turistas norte-americanas Lindsay (Ashley C. Williams) e Jenny (Ashlynn Yennie), que após ficarem presas numa rodovia escura e deserta, resolvem procurar ajuda se embrenhando no mato com seus saltos altos e maquiagem - o que não as difere de outras mocinhas "inteligentes" de filmes do gênero.

Foto: Divulgação

Dr. Heiter: você aceitaria ajuda desse simpático senhor alemão em uma noite chuvosa?

Apesar do potencial, a produção não permite que o público encare a história com o mínimo de seriedade. Os diálogos das garotas são sofríveis e a maneira como elas se deixam "ajudar" pelo Dr. Heiter não faz sentido - além de possuir a cara de um psicopata, o médico afirma diante das duas que odeia seres humanos.

Aliás, a atuação do canastrão Dieter Laser só colabora para que a plateia ria dos trejeitos de seu personagem, que tem uma maneira peculiar de camuflar um rifle com seu casaco e não dispensa os óculos escuros na hora de perseguir suas vítimas. De fato, o filme serve para elevar o Dr. Heiter a um panteão de vilões caricatos como Leatherface, Freddy Krueger e Jigsaw.

Mas verdade seja dita: em um momento em que a indústria cinematográfica está saturada de remakes, reboots e adaptações - os novos "Halloween" e "Sexta-Feira 13" são provas disso -, "A Centopéia Humana" conseguiu atrair a atenção de público e crítica com uma premissa original, provando que é possível tentar inovar um segmento engessado em que espíritos, demônios, zumbis, mutantes e psicopatas continuam fazendo o que sempre fizeram sem muitas novidades.

Agora resta esperar por "A Centopéia Humana 2 (Sequência Completa)", que tem estreia prevista para 2011 e, de acordo com o diretor Tom Six, deve contar com uma centopéia formada por 20 pessoas e fazer o primeiro filme parecer a animação "Meu Querido Pônei". O nojo e as risadas estão garantidos.

    Notícias Relacionadas



    Previsão do Tempo

    CLIMATEMPO

    Previsão Completa

    • Hoje
    • Amanhã

    Trânsito Agora

    INDICADORES ECONÔMICOS

    Câmbio

    moeda compra venda var. %

    Bolsa de Valores

    indice data ultimo var. %
    • Fonte: Thomson Reuters
    Ver de novo