Atores buscam "essência" para viver Tim Maia no cinema: "Ele é um herói"

Por Luísa Pécora , iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Em vídeo, Babu Santana e Robson Nunes falam sobre a cinebiografia do ícone da música brasileira

Robson Nunes e Babu Santana se revezam no papel de um dos mais populares cantores brasileiros em "Tim Maia", filme de Mauro Lima que está em cartaz no Brasil. Nunes é mais tranquilo, Santana diz ter "pavio curto", mas ambos acreditam ter muito em comum com o músico, ao menos no que diz respeito ao começo da carreira.

Crítica: "Tim Maia" narra altos e baixos do ícone da música brasileira
Leia também: "Tim Maia parece três pessoas diferentes", diz diretor

"Nunca cheguei para fazer teste de galã de novela das oito. Acho que ele [Tim Maia] deve ter passado por isso, pelo fato de não estar no padrão de beleza, por ser pobre, por ser negro", diz Santana, que se formou como ator no grupo Nós do Morro, que atua no Morro do Vidigal.

Veja a entrevista do iG com Babu Santana e Robson Nunes:

"Tim Maia representa um herói", acrescenta Nunes. "Era um cara muito consciente da negritude e do talento dele. É um vencedor, um grande exemplo."

Siga o iG Cultura no Twitter

Adaptação do livro “Vale Tudo”, de Nelson Motta, o filme retrata a trajetória do cantor desde a adolescência até a morte, com ênfase na vida fora dos palcos: a personalidade forte, a viagem aos Estados Unidos que lhe serviu como formação musical, as festas e as brigas com namoradas, amigos e parceiros musicais.

Imagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Tim Maia'. Foto: Divulgação

Os atores tiveram de soltar a voz, inclusive cantando ao vivo em algumas cenas (o diretor não revela quais ou quantas, “para não entregar a magia do cinema”)

De acordo com Lima a ideia de escalar dois atores se deveu ao fato de Tim Maia ter mudado muito ao longo da vida. Para criar unidade entre as duas atuações, Nunes e Santana trabalharam com uma preparadora de elenco.

"Ela nos preparou para ser um único Tim", diz Nunes, para quem tentar imitar o cantor estava "fora de cogitação". "A coisa principal era pegar a essência", diz.

Leia tudo sobre: tim maiababu santanarobson nunescinemamauro lima

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas