"Sangue Azul" ganha o principal prêmio do Festival do Rio 2014

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Veja a lista completa de premiados no evento carioca, encerrado nesta quarta-feira (8)

"Sangue Azul", do diretor Lírio Ferreira, foi o principal ganhador da edição 2014 do Festival do Rio, encerrada nesta quarta-feira (8). A produção levou o troféu Redentor de melhor filme e diretor de ficção, além do prêmio de ator coadjuvante para Rômulo Braga.

Divulgação
Imagem do filme 'Sangue Azul'

Entre os documentários, o grande premiado foi "À Queima Roupa", de Theresa Jessouroum, enquanto o voto popular premiou "Casa Grande", de Fellipe Gamarano Barbosa, e "Favela Gay", de Rodrigo Felha.

Veja a lista completa de premiados:

Première Brasil

Competição Oficial:
Melhor longa-metragem de ficção: Sangue azul, de Lírio Ferreira
Melhor longa-metragem documentário: À queima roupa, de Theresa Jessouroun
Melhor curta-metragem: Barqueiro, de José Menezes e Lucas Justiniano
Melhor diretor de ficção: Lírio Ferreira, por Sangue azul
Melhor diretor de documentário: Theresa Jessouroun, por À queima roupa
Melhor atriz: Bianca Joy Porte, por Prometo um dia deixar essa cidade
Melhor ator: Matheus Fagundes, por Ausência
Melhor atriz coadjuvante: Fernanda Rocha, por O último cine Drive-in
Melhor ator coadjuvante: Rômulo Braga, por Sangue azul
Melhor fotografia: André Brandão, por Obra
Melhor montagem: Luisa Marques, por A vida privada dos hipopótamos
Melhor roteiro: Murilo Salles, por O fim e os meios
Prêmio Especial do Júri: Ausência, de Chico Teixeira

Júri popular:
Melhor longa-metragem de ficção: Casa grande, de Fellipe Gamarano Barbosa
Melhor longa-metragem documentário: Favela gay, de Rodrigo Felha
Melhor curta-metragem: Max Uber, de Andre Amparo

Mostra Novos Rumos:
Melhor longa-metragem: Castanha, de Davi Pretto
Melhor curta-metragem: O bom comportamento, de Eva Randolph
Prêmio Especial do Júri: Deusa branca, de Alfeu França
Prêmio pelo conjunto da obra: Othon Bastos

Prêmio Felix
Melhor longa-metragem de ficção: Xenia, de Panos H. Koutras
Melhor longa-metragem documentário: De gravata e unha vermelha, de Miriam Chnaiderman
Prêmio Especial do Júri: Toda terça-feira, de Sophie Hyde

Prêmio FIPRESCI
Melhor filme latino-americano: Obra, de Gregorio Graziosi

Mostra Geração
Melhor filme pelo júri popular: Finn, de Frans Weisz

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas