Candidato do Brasil ao Oscar será anunciado nesta quinta; veja os favoritos

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Produção escolhida por comissão do Ministério da Cultura buscará indicação a melhor filme estrangeiro

Dezoito longas-metragens disputam a indicação para ser o candidato do Brasil a uma vaga na disputa pelo Oscar 2015 de filme estrangeiro. O escolhido será anunciado nesta quinta-feira (18) pela ministra da Cultura, Marta Suplicy, durante evento em São Paulo.

O filme escolhido por uma comissão ministerial será pré-indicado à Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos, que receberá sugestões de países de todo o mundo e revelará os cinco finalistas em 15 de janeiro. O Brasil não entra na lista desde 1999, quando "Central do Brasil" perdeu a estatueta para o italiano "A Vida é Bela".

Veja os filmes que concorrem à indicação brasileira:

'A Grande Vitória', de Stefano Capuzzi: Estrelado por Caio Castro e Sabrina Sato, conta a história real de Max Trombini, um dos principais técnicos de judô do Brasil. Foto: Divulgação'A Oeste do Fim do Mundo', de Paulo Nascimento: A chegada de uma mulher transforma o cotidiano de dois homens nas margens de uma estrada argentina. Foto: Divulgação'Amazônia', de Thierry Ragobert: Coprodução com a França, acompanha as aventuras de um macaco-prego na Floresta Amazônica. Foto: Araquém Alcântara'Dominguinhos', de Eduardo Nazarian, Joaquim Castro e Mariana Aydar: Documentário sobre o cantor brasileiro, morto em julho de 2013. Foto: Divulgação'Entre Nós', de Paulo Morelli: Uma turma de amigos marcada por tragédia se reencontra para ler cartas escritas para si mesmos dez anos antes. Foto: Divulgação'Exercício do Caos', de Frederico Machadi: Conta a história de três irmãs numa fazenda do Maranhão, vítimas do autoritarismo do pai e dos abusos de um capataz. Foto: Divulgação'Getúlio', de João Jardim: Um retrato dos últimos dias da vida do ex-presidente Getúlio Vargas, vivido por Tony Ramos. Foto: Bruno Veiga/Divulgação'Hoje Eu Quero Voltar Sozinho', de Daniel Ribeiro: Mostra a busca por independência e a descoberta do amor por Leonardo, adolescente cego e homossexual. Foto: Divulgação'Jogo de Xadrez', de Luís Antônio Pereira: Priscila Fantin é uma mulher presa por fraude na Previdência Social, que também envolve um senador corrupto. Foto: Divulgação'Minhocas', de Paolo Conti e Arthur Nunes: Primeiro longa brasileiro em stop motion, conta história de minhoca capturada por escavadeira que tenta voltar para casa. Foto: Divulgação'Não Pare na Pista', de Daniel Augusto: Cinebiografia do escritor brasileiro Paulo Coelho. Foto: Divulgação'O Homem das Multidões', de Marcelo Gomes e Cao Guimarães:  Acompanha a história de Juvenal, um solitário condutor do trem do metrô que vive em Belo Horizonte. Foto: Divulgação'O Lobo Atrás da Porta', de Fernando Coimbra: O sequestro de uma criança expõe um triângulo amoroso no subúrbio do Rio de Janeiro. Foto: Divulgação'O Menino e o Mundo', de Alê Abreu: Animação sobre um menino em busca do pai que passa por um mundo fantástico e de seres inusitados. Foto: Divulgação'O Menino no Espelho', de Guilherme Fiúza: Baseado no livro de Fernando Sabino, onta a história de um menino que vê seu reflexo no espelho ganhar vida. Foto: Divulgação'Praia do Futuro', de Karim Aïnouz: O salva-vidas Donato abandona o Brasil para viver um amor na Alemanha; anos depois, o irmão mais novo aparece em Berlim. Foto: Divulgação / California Filmes'Serra Pelada', de Heitor Dhalia: Mostra a relação de Juliano e Joaquim, dois homens em busca do sonho do ouro na região Amazônica. Foto: Divulgação'Tatuagem', de Hilton Lacerda: Durante a ditadura militar, um artista e um jovem soldado se apaixonam. Foto: Divulgação

Entre os favoritos à indicação estão "Hoje Eu Quero Voltar Sozinho", "O Lobo Atrás da Porta", "O Menino e o Mundo", "Praia do Futuro" e "Tatuagem", que foram exibidos em festivais internacionais e receberam prêmios importantes no Brasil ou no exterior.

Só há dois requisitos fundamentais para o filme concorrer à indicação brasileira: ter sido exibido primeiro no País e ter ficado pelo menos uma semana em cartaz, em sala do circuito comercial brasileiro, entre 1º de outubro de 2013 e 30 de setembro de 2014.

Siga o iG Cultura no Twitter

O prazo tirou da disputa os inscritos "Faroeste Caboclo" e "A Coleção Invisível". A inscrição é feita por meio de requerimento, entregue ao ministério junto a cópias do filme em DVD.

A comissão julgadora neste ano é formada pelo diretor Jeferson De; o jornalista Luis Erlanger, a coordenadora-geral de Desenvolvimento Sustentável do Audiovisual da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura, Sylvia Regina Bahiense Naves; o presidente do conselho da Televisão América Latina (TAL), Orlando de Salles Senna; e o ministro do Departamento Cultural do Ministério das Relações Exteriores, George Torquato Firmeza.

Veja os favoritos à indicação brasileira:

Divulgação
Cena de 'Hoje Eu Quero Voltar Sozinho'

"Hoje Eu Quero Voltar Sozinho": Elogiado pela crítica, o filme de Daniel Ribeiro conta a busca por independência e a descoberta do amor por Leonardo, um adolescente cego e homossexual. Foi exibido no Festival de Berlim e premiado pela Federação Internacional da Imprensa Cinematográfica (Fipresci, na sigla em francês).

Divulgação
Imagem do filme 'O Lobo Atrás da Porta'

"O Lobo Atrás da Porta": Suspense do diretor Fernando Coimbra no qual o sequestro de uma criança expõe um triângulo amoroso no subúrbio do Rio de Janeiro. Foi premiado nos festivais do Rio, San Sebastián, Miami, Havana e Guadalajara, e recebeu boas críticas das revistas norte-americanas "Variety" e "The Hollywood Reporter".

Divulgação
Imagem do filme 'O Menino e o Mundo'

"O Menino e o Mundo": Animação de Alê Abreu sobre uma criança que parte em busca do pai em viagem por um mundo fantástico e que reflete questões culturais e políticas. Foi premiado no Festival do Rio e na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, e levou o principal troféu do Festival de Annecy, evento francês considerado "o Cannes da animação".

Divulgação / California Filmes
Cenas do filme "Praia do Futuro"

"Praia do Futuro": Elogiado filme de Karim Aïnouz, é uma coprodução com a Alemanha. O salva-vidas Donato (Wagner Moura) deixa o Brasil para viver com o piloto Konrad (Clemens Schick) mas, oito anos depois, recebe a inesperada visita do irmão, Ayrton (Jesuíta Barbosa). Integrou a competição do Festival de Berlim e foi premiado em Sab Sebástian.

Divulgação
Imagem do filme 'Tatuagem'

"Tatuagem": Estreia do roteirista Hilton Lacerda na direção, o filme é ambientado em 1978, durante a ditadura militar, e mostra os confrontos de uma geração a partir do romance entre um soldado de 18 anos e um agitador cultural, dono de um cabaré anarquista. Recebeu boas críticas e foi premiado nos festivais de Gramado, Rio e Havana.

Leia tudo sobre: oscar 2015cinemacinema brasileirooscarcinema

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas