Amazon interrompe pedidos de alguns filmes da Disney

Por Reuters | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Cópias físicas de títulos como "Malévola" e "Capitão América: O Soldado Invernal" não estavam disponíveis para compras no site

Reuters

A Amazon.com interrompeu pedidos de alguns filmes da Disney, informou o jornal "The Wall Street Journal" neste domingo (10), no que parece ser mais uma disputa de contratos depois de a gigante online iniciar uma prolongada briga com a editora Hachette Book Group neste ano.

Cópias físicas de títulos como "Malévola" e "Capitão América: O Soldado Invernal" não estavam disponíveis para compras na Amazon.com neste domingo. Mas cópias digitais de alguns dos filmes em questão ainda estavam disponíveis para pedidos.

Imagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoAngelina Jolie e a filha, Vivienne Jolie-Pitt, em cena de 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: DivulgaçãoImagem do filme 'Malévola'. Foto: Divulgação

A Amazon.com não respondeu imediatamente pedidos de comentários sobre a reportagem. Um porta-voz da Disney não comentou.

A Amazon tem promovido uma batalha contra a Hachette, a quarta maior editora dos Estados Unidos, sobre o preço que a varejista online pode cobrar por e-books. A Hachette é controlada pela francesa Lagardere.

Siga o iG Cultura no Twitter

Um grupo chamado Autores Unidos divulgou um anúncio de duas páginas no "New York Times" deste domingo, criticando a Amazon por interromper pedidos de alguns autores da Hachette e atrasar a entrega de livros de autores da editora. O anúncio foi assinado por mais de 700 escritores, incluindo Stephen King e Donna Tartt.

A Amazon diz que o preço de US$ 14,99 a US$ 19,99 para e-books é muito alto. Alega que e-books mais baratos vendem mais cópias e, portanto, em última análise geram mais receitas e mais direitos autorais.

Leia tudo sobre: amazondisneycinema

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas