Saiba mais sobre a trajetória da atriz, que interpreta Gwen Stacy no novo filme do herói, "A Ameaça de Electro"

Andrew Garfield é o protagonista de "O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro" e Jamie Foxx já ganhou um Oscar, mas a grande estrela do filme, em cartaz no Brasil, é Emma Stone. Aos 25 anos, ela é uma das jovens queridinhas de Hollywood.

Só se ouviu falar da atriz durante a turnê de divulgação do filme. Fashionistas acompanharam todos os modelos usados por Stone, e ela fez sucesso na internet ao chamar a atenção de Garfield (seu namorado) quando ele fez um comentário machista, e principalmente ao vencer uma batalha de dublagem de canções famosas no programa de Jimmy Fallon, na TV norte-americana.

Ser famosa sempre esteve nos planos da atriz, que nasceu em 6 de novembro de 1988 em Scottsdale, no Estado norte-americano de Arizona. Estudante de atuação desde a infância, aos 14 anos ela fez uma apresentação de PowerPoint (com "Hollywood", de Madonna, como trilha sonora) para convencer os pais a deixá-la se mudar para Los Angeles.

No ano seguinte, passou a viver em Hollywood com a mãe e começou a fazer pequenos trabalhos na televisão. Chegou a usar o nome de batismo, Emily, mas como já havia uma atriz com este nome, mudou para Riley. Enfim, se decidiu por Emma.

Emma Stone na estreia de 'O Espetacular Homem-Aranha 2' em Londres (10/04/2014)
Getty Images
Emma Stone na estreia de 'O Espetacular Homem-Aranha 2' em Londres (10/04/2014)

Após participações em seriados como "Malcom", em 2007 Stone estreou no cinema com "Superbad: É Hoje", no qual interpretou Jules, par romântico de Jonah Hill. O sucesso do filme rendeu convites para comédias como "O Roqueiro" (2008), "A Casa das Coelhinhas" (2008) e "Minhas Adoráveis Ex-Namoradas" (2009).

Siga o iG Cultura no Twitter

Stone também teve destaque em "Zumbilândia" (2009), no qual dividiu a cena com Woody Harrelson e Jesse Eisenberg. Mas o primeiro papel de protagonista foi em "A Mentira", de 2010, no qual interpretou uma estudante que mente sobre ter perdido a virgindade e vira alvo de colegas religiosos e conservadores. Enorme sucesso de bilheteria, o filme impulsionou a carreira de Stone e lhe deu uma indicação ao Globo de Ouro.

O ano de 2011 foi movimentado, com três longas lançados: "Amizade Colorida", "Amor a Toda Prova" e o elogiado "Histórias Cruzadas", indicado a 4 Oscar. Stone viveu Skeeter Phelan, uma aspirante a escritora que movimentou sua pequena cidade na Mississippi dos anos 1960 ao lançar um livro sobre a vida das empregadas negras.

O próximo passo da atriz foi assegurar uma participação em uma franquia de sucesso - no caso, "Homem-Aranha". Na nova fase da série, Garfield assumiu o papel de Peter Parker e Stone interpretou a jovem Gwen Stacy, por quem o herói se apaixona.

Agora namorada de Garfield também na vida real, a atriz retoma a personagem em "A Ameaça de Electro". Outros três projetos badalados estão previstos para estrearem este ano: "Magic in the Moonlight", novo filme de Woody Allen; "Birdman", comédia de Alejandro González Iñárritu; e um longa ainda sem título de Cameron Crowe.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.