Brad Pitt, Liz Taylor e Robert Redford já viveram personagens de Fitzgerald

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Obra do celebrado escritor norte-americano é levada ao cinema desde 1922; veja

Clássico da literatura norte-americana, "O Grande Gatsby" é a obra de F. Scott Fitzgerald que ganhou mais adaptações para o cinema: quatro, incluindo a de Baz Luhrmann, que estreia nesta sexta-feira (7) no Brasil. Os outros diretores que encararam o desafio de levar a obra à telona foram Herbert Brenon em 1926, Elliott Nugent em 1949 e Jack Clayton em 1974.

Siga o iG Cultura no Twitter

O número de adaptações cresce se considerarmos um filme para a TV exibido em 2000 nos EUA e o longa "G", de Christopher Scott Cherot, que apenas usa o arco principal da trama (um homem rico que tenta reconquistar um amor do passado), mas muda nomes, cenários e enredo.

Outros livros de Fitzgerald, como "Suave é a Noite" e "Os Belos e Malditos", também viraram filmes. Relembre as principais adaptações e os atores que já interpretaram o escritor no cinema e na TV.

Leonardo Di Caprio em 'O Grande Gatsby', de Baz Luhrmann (2013). Foto: Divulgação'O Curioso Caso de Benjamin Button' (2008), dirigido por David Fincher. Foto: Divulgação'O Último Magnata' (1976), de Elia Kazan. Foto: Divulgação'O Grande Gatsby' (1974), de Jack Clayton . Foto: Divulgação'Suave é a Noite' (1962), de Henry King. Foto: Divulgação'A Última Vez que Vi Paris' (1954), de Richard Brooks. Foto: Divulgação'O Grande Gatsby' (1926), de Herbert Brenon. Foto: DivulgaçãoMarie Prevost estrela 'Os Belos e Malditos' (1922), de William A. Seiter. Foto: DivulgaçãoTom Hiddleston é F. Scott Fitzgerald em 'Meia-Noite em Paris' (2011), de Woody Allen. Foto: DivulgaçãoJeremy Irons interpreta Fitzgerald em 'Last Call' (2002), de Henry Bromell. Foto: DivulgaçãoGregory Peck interpreta Fitzgerald em 'O Ídolo de Cristal' (1959), de Henry King. Foto: Divulgação

"Os Belos e Malditos" (1922): Filme mudo dirigido por William A. Seiter e baseado no segundo romance de Fitzgerald, publicado no mesmo ano. Narra o relacionamento de Anthony Patch, alcoólatra e provável herdeiro de uma fortuna, com a mulher, Gloria. O escritor classificou o longa como o pior que já tinha visto, dizendo ser "barato e vulgar".

"O Grande Gatsby" (1926): Primeira das quatro versões da clássica obra para as telonas e a única lançada enquanto o escritor estava vivo. Mudo e com 80 minutos de duração, o filme foi perdido - hoje, só o trailer está preservado. Em carta, Zelda Fitzgerald contou que ela e o marido acharam o longa tão ruim que saíram do cinema antes de a sessão terminar.

Carl Van Vechten / Library of Congress
F. Scott Fitzgerald, em 1937

"A Última Vez que Vi Paris" (1954): Baseado no conto "Babylon Revisited", de 1931, tem elenco cheio de estrelas - Elizabeth Taylor, Roger Moore e Van Johnson. Fala do romance entre um jornalista e uma garota rica na Paris pós-Segunda Guerra.

"O Ídolo de Cristal" (1959): Dirigido por Henry King, relata os últimos anos da vida de Fitzgerald, com base nas memórias de Sheilah Graham e Gerold Frank. O escritor é interpretado por Gregory Peck.

"Suave é a Noite" (1962): Adaptação do livro de mesmo nome - último finalizado por Fitzgerald e publicado em 1934. Conta a história do psiquiatra Dick Diver, que se casa com a milionária Nicole Warren, sua paciente.

"O Grande Gatsby" (1974): Terceira e mais conhecida versão da obra, tem Robert Redford como Jay Gatsby e Mia Farrow como Daisy Buchanan. O roteiro original, de Truman Capote, foi rejeitado e reescrito por Francis Ford Coppola. Sucesso de bilheteria, recebeu resenhas medianas da imprensa norte-americana.

"O Último Magnata" (1976): Último longa do celebrado diretor Elia Kazan, adapta o romance inacabado de Fitzgerald sobre um poderoso produtor de Hollywood, interpretado por Robert De Niro e inspirado em Irving Thalberg. Foi recebido sem grande entusiasmo por público e crítica.

"Last Call" (2002): Jeremy Irons interpreta Fitzgerald neste filme para a TV sobre os últimos anos de sua vida, quando conta com a companhia da assistente e confidente Frances Kroll (Neve Campbell).

"O Curioso Caso de Benjamin Button" (2008): Baseado em conto publicado por Fitzgerald em 1922, acompanha a trajetória de um homem que envelhece ao contrário: nasce idoso e vai ficando mais jovem. Dirigido por David Fincher, tem Brad Pitt e Cate Blanchett no elenco e foi indicado a 13 Oscar, levando três (maquiagem, direção de arte e efeitos visuais).

"Meia-Noite em Paris" (2011): Neste longa de Woody Allen, o frustrado escritor Gil (Owen Wilson) é transportado para a Paris de 1920, em uma viagem que o coloca em contato com personalidades reais como Ernest Hemingway, Gertrude Stein e F. Scott Fitzgerald, interpretado por Tom Hiddleston.

Leia tudo sobre: o grande gatsbyf. scott fitzgeraldcinema

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas