Longa sobre a adolescência do cantor Renato Russo ficou em segundo lugar no ranking de renda do fim de semana, atrás de "Homem de Ferro 3"

"Somos Tão Jovens" , a cinebiografia do cantor Renato Russo, teve ótimo desempenho em seu primeiro fim de semana em cartaz (3 a 5 de maio), arrecadando R$ 5,8 milhões e levando 471,5 mil espectadores ao cinema. Com isso, tornou-se a sexta maior estreia do ano em renda e a sexta melhor abertura de um filme nacional desde a retomada.

Crítica: Em "Somos Tão Jovens", Thiago Mendonça impressiona como Renato Russo

A cinebiografia ficou em segundo lugar no ranking de renda do fim de semana, atrás apenas de "Homem de Ferro 3" , que levantou R$ 16,4 milhões e se manteve no topo. Mas o longa brasileiro se mostrou um competidor forte: obteve média de 857 espectadores por sala, contra os 998 do blockbuster norte-americano.

Vídeo: "Sou passional como Renato Russo", diz ator de "Somos Tão Jovens"

"Somos Tão Jovens" está em cartaz em 550 salas do País, enquanto 1.174 exibem "Homem de Ferro 3". A abertura do filme sobre Renato Russo foi maior que a de "Cazuza - O Tempo Não Para", que estreou em 2004 com 294,1 mil espectadores no primeiro fim de semana. No total, o longa vendeu 3 milhões de ingressos.

Veja entrevista com Thiago Mendonça, de "Somos Tão Jovens":

O terceiro lugar do ranking de renda ficou para outro longa nacional, a comédia "Vai Que Dá Certo" , que arrecadou R$ 722 mil em sua sétima semana em cartaz. 

Completam o top 10 desta semana  "Os Croods" (quarto, com R$ 695 mil), "Em Transe" (quinto, com R$ 509 mil), "A Morte do Demônio" (sexto, com R$ 343 mil), "Oblivion" (sétimo, com R$ 236 mil), "Um Bom Partido" (oitavo, com R$ 159 mil), "Mama" (nono, com R$ 144 mil) e "Depois de Maio" (décimo, com R$ 57 mil). Os dados são do site especializado Filme B.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.