10 filmes que pensam e mostram sexo

Conheça as principais produções que discutem a sexualidade humana e veja fotos

iG São Paulo

De formas e prismas diferentes, o sexo tem sido discutido bastante pelo cinema nos últimos anos.   O iG compilou uma lista com algumas das principais produções sobre o assunto.

Siga o iG Cultura no Twitter

"Histeria" , comédia de época que narra a invenção do vibrador, mostra como na Londers do final do século 19 o jovem médico Mortimer Granville (Hugh Dancy) se envolve na criação do aparelho.

Ainda inédito no Brasil, o drama "As Sessões" (2011) conta a história de um escritor de 36 anos interpretado por John Hawkes que, na infância, perdeu os movimentos do corpo. Decidido a perder a virgindade, ele contrata a terapeuta sexual vivida por Helen Hunt para iniciá-lo.

Dirigido por David Cronenberg, "Um Método Perigoso" (2011) mostra como o sexo influenciou o tratamento feito pelo jovem psicanalista Carl Jung (Michael Fassbender) na histérica Sabina Spielrein (Keira Knigthley), sob a supervisão do criador da psicanálise, Sigmund Freud (Viggo Mortensen).

Veja também: Cinco cenas famosas de sexo do cinema

Divulgação
Elena Anaya e Natasha Yarovenko em "Um Quarto em Roma" (2010)

Estrelado no mesmo ano por Fassbender, o drama "Shame" (2011) mostra o cotidiano de um jovem executivo viciado em sexo - e todas as consequências que isso acarreta para sua carreira e vida pessoal.

O lesbianismo é o tema de "Um Quarto em Roma" (2010). Na história, as turistas interpretadas por Elena Anaya e Natasha Yarovenko se conhecem na cidade italiana e passam doze horas dentro de um quarto de hotel, onde dividem o tempo entre discussões amorosas e fazer sexo.

Os vários caminhos do sexo é tema de "Shortbus" (2006), filme independente de John Cameron Mitchell que acompanha a vida de jovens frequentadores de um salão underground em Nova York. Relações gays, frigidez e sadomasoquismos são alguns dos temas abordados, além das cenas reais de sexo entre os atores.

Veja também:  As 10 strippers mais sensuais do cinema

Baseado na vida do pioneiro sexólogo Alfred Kinsey, interpretado por Liam Neeson , "Kinsey - Vamos Falar de Sexo" (2004) mostra como as pesquisas empreendidas por ele nos anos 1950 deflagraram o comportamento sexual dos norte-americanos, causando muita polêmica.

"Doutores em Seios" (1997) conta como os cirurgiões Kevin Saunders (David Schwimmer) e William Larson (Chris Cooper) passaram a utilizar o silicone para aumentar os seios de suas clientes. O filme é intercalado por depoimentos de mulheres que fizeram uso do procedimento nos anos 1970.

Leia também: Morre Sylvia Kristel, a "Emmanuelle" do cinema

Dirigido e estrelado por Woody Allen, "Tudo o que Você Sempre Quis Saber Sobre Sexo (Mas Tinha Medo de Perguntar)" (1972) aborda com muito humor situações curiosas referentes ao sexo. Entre elas a busca de um cientista na criação de uma máquina de sexo, uma mulher que só tem orgasmo em locais perigosos e um psicólogo que se apaixona por uma ovelha.

Já o clássico "A Bela da Tarde" (1967) mostra como a rica e bem casada Séverine (Catherine Deneuve) passa a realizar suas fantasias num discreto bordel, em busca do prazer que o marido não consegue lhe dar.

    Leia tudo sobre: sexocinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG