François Ozon brinca com a criação em "Dentro de Casa"

Queridinho do Festival do Rio, diretor francês filma a relação de um adolescente com um professor e sua mulher

Mariane Morisawa - especial para o iG |

François Ozon é queridinho do Festival do Rio e da Mostra Internacional de São Paulo . Difícil conseguir um ingresso para assistir aos seus filmes, não importa qual. Não deve ser diferente com “Dentro de Casa”, exibido na manhã desta quinta-feira (4) em sessão de imprensa, no Rio. Como sempre, ele volta seu olhar para a burguesia, especialmente para as mulheres entediadas.

Acesse o especial Festival do Rio

O adolescente Claude Garcia (Ernst Umhauer) é uma espécie de alter-ego, um aspirante a escritor que fica fascinado pela casa burguesa com certeza da família Artole – seu colega de classe Rapha (Bastien Ughetto), seu pai Rapha Sr. (Denis Ménochet) e, principalmente, sua mãe, Esther (Emmanuelle Seigner).

Siga o iG Cultura no Twitter

Encontra a oportunidade perfeita de entrar na casa para ajudar Rapha em lições de matemática. A vida de Claude não é tão privilegiada, e o rapaz descreve aquele ambiente com ironia e talento. O professor Germain (Fabrice Luchini) fica fascinado por finalmente ter um aluno em quem investir. Sua mulher, Jeanne (Kristin Scott Thomas), não tem certeza se Claude deveria ser incentivado. Para ela, o menino parece um pouco obcecado demais – até que ponto está inventando?

Leia também: Filme restaurado de Hitchcock será exibido na praia de Copacabana

Germain, porém, orienta o estudante, pedindo para ele desenvolver mais os personagens e criticando quando faz escolhas fáceis. Ao mesmo tempo, Jeanne tenta fazer sua galeria de arte ganhar dinheiro, para não fechar. Ozon discute a criação da obra de arte, seus limites e funções, de forma divertida, brincando com a trama de amadurecimento de um adolescente. Mas, como Claude, que diz não saber terminar sua história, ele parece sofrer do mesmo mal. “Dentro de Casa” é esperto e entretém, mas poderia se resolver em menos tempo.

Programação *

Sábado (6), às 13h30 e 19h50, no Estação Vivo Gávea 5. Segunda (8), às 12h30 e 18h30, no Estação Sesc Rio 2. Quarta (10), às 16h30 e 21h30, no Kinoplex Leblon 4.

* confira antes de sair de casa

    Leia tudo sobre: festival do riofrançois ozondentro de casacinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG