Morre o ator francês Pierre Mondy, conhecido por seus papéis cômicos

Astro foi consagrado por sua representação de Napoleão no filme "A Batalha de Austerlitz"

EFE |

EFE

O ator francês Pierre Mondy, conhecido principalmente por seus papéis cômicos no cinema e na televisão, mas também como diretor, morreu neste sábado (15) em Paris, vítima de um linfoma, contou um de seus amigos à emissora de rádio "France Info".

Mondy, que tinha 87 anos, foi consagrado como ator por sua representação cinematográfica de Napoleão no filme "A Batalha de Austerlitz", de Abel Gance, em 1960. 

Siga o iG Cultura no Twitter

O ator nasceu em 10 de fevereiro de 1925, em Neuilly-sur-Seine, um município limítrofe com a capital francesa, embora tenha passado sua infância e adolescência em Albi, no sul da França, onde seu pai era diretor de um centro escolar.

No início dos anos quarenta, mudou-se para Paris e na cidade fez sua primeira participação no cinema, no filme "Rendez-vous de Juillet", do diretor Jacques Becker, em 1949. No teatro combinou seu trabalho no palco com o de diretor em dezenas de obras.

Desde os anos 60, sua carreira caminhou por três frentes paralelas: cinema, televisão e teatro. Na década de 70 ficou muito conhecido por seu papel do sargento-chefe Chaudard na trilogia "A Sétima Companhia".

A ministra francesa de Cultura, Aurélie Filippetti, lamentou sua morte e disse que Mondy era um grande ator. 

    Leia tudo sobre: Pierre Mondycinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG