Estreia último filme de River Phoenix, 19 anos após sua morte

Filmagens de "Dark Blood" foram interrompidas em 1993, quando o ator foi vítima de uma overdose de drogas

AFP |

AFP

Divulgação
River Phoenix, em cena do filme "Garotos de Programa"

O último filme do ator americano River Phoenix, que teve as filmagens interrompidas após a sua morte, em 1993, foi concluído, e estreará em um festival de cinema na Holanda, anunciou a organização do festival.

"O filme 'Dark Blood', do diretor George Sluizer, será apresentado pela primeira vez durante o festival de cinema holandês no teatro municipal de Utrecht" (centro da Holanda), indicou a organização em um comunicado publicado em seu site.

O diretor holandês George Sluizer tinha filmado cerca de 80% das imagens de "Dark Blood", quando River Phoenix, 23 anos na época, morreu em 31 de outubro de 1993 de um ataque cardíaco causado pelo consumo de drogas, na saída de uma boate em Los Angeles.

O ator, que foi considerado no momento de sua morte como um dos mais promissores de sua geração, tinha sido indicado ao Oscar de 1988 de melhor ator coadjuvante. Sua morte foi comparada a de James Dean, falecido aos 24 anos em 1955, num acidente de carro.

Anuk Sluizer, filha do diretor, disse à AFP que seu pai, 80 anos, estava "doente e decidiu começar a pós-produção depois de 20 anos". "Tinha filmado 81% do filme e tinha imagens suficientes para fazer um filme cheio de suspense", acrescentou. "Meu pai teve que encontrar uma solução criativa".

"Dark Blood", concluído em janeiro, conta a história de Boy (interpretado por River Phoenix), um jovem viúvo que vive sozinho no deserto, depois da morte de sua esposa em testes nucleares, segundo o comunicado da organização do festival.

Ele salva um casal que, durante a lua de mel, fica preso na estrada e, depois de se apaixonar pela esposa, interpretada por Judy Davis, sequestra a mulher.

    Leia tudo sobre: River PhoenixcinemaDark Blood

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG