Guilherme Fontes diz que vai estrear "Chatô, o Rei do Brasil" ainda em 2012

"Até hoje, foram só críticas a mim; quero ver as criticas ao filme", afirma o ator

iG São Paulo | - Atualizada às

TV Globo
O ator Guilherme Fontes

O ator Guilherme Fontes declarou que o filme "Chatô, o Rei do Brasil" vai estrear neste ano nos cinemas do país.

"Reabri minha produtora e estou me preparando para finalmente estrear o 'Chatô'. Pode contar uns quatro, cinco meses a partir de hoje”, disse Fontes ao site Caras Online. “Estou completamente preparado para o assédio que está por vir. Até hoje, foram só críticas a mim. Quero ver as criticas ao filme.”

Siga o iG Cultura no Twitter

O longa, que narra a história do jornalista Assis Chateaubriand, pioneiro da
televisão no Brasil nos anos 1950, teve a sua produção interrompida na década de 1990.

O motivo, de acordo com Fontes, foi a falta de dinheiro, o que levantou suspeitas de mau uso de verbas governamentais destinadas ao filme - o ator teria angariado aproximados R$ 36,5 milhões para o projeto.

Fontes foi acusado de sonegação fiscal na prestação de contas de "Chatô". A condenação em primeira instância é de 8 de março de 2010, mas, em abril do mesmo ano, o ator entrou com recurso pedindo a anulação da sentença.

Leia também: TJ-RJ mantém condenação contra ator Guilherme Fontes

Baseado na obra homônima de Fernando Morais, "Chatô, o Rei do Brasil" conta com Marco Ricca no papel principal, além de Paulo Betti, Andréa Beltrão e Leandra Leal no elenco.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG