Polícia altera causa da morte de Natalie Wood para "indeterminada"

Certidão de óbito da atriz, morta em 1981 sob circunstâncias misteriosas na água, antes indicava "acidente" na causa mortis

EFE |

EFE

Divulgação
Natalie Wood: caso reaberro

A certidão de óbito da atriz norte-americana Natalie Wood, que atribuía a um "acidente" a morte da artista, em novembro de 1981, foi modificada para "indeterminada". As autoridades, que reabriram a investigação do caso em novembro do ano passado, modificaram o documento em junho, informou o site "TMZ", que cita como fonte familiares da atriz, indicada três vezes ao Oscar.

Siga o iG Cultura no Twitter

O corpo da atriz foi encontrado flutuando no Pacífico, próximo à costa de Los Angeles, em 29 de novembro de 1981, quando a atriz tinha 43 anos. Ela estava num passeio de iate com o marido, Robert Wagner. A investigação da época determinou que Natalie quis deixar o iate após ter bebido em excesso e discutido com Wagner. Tentou subir em um bote de borracha, mas caiu na água e se afogou, já que não sabia nadar.

Membros da família revelaram ao "TMZ" que detetives do condado de Los Angeles lhes comunicaram a modificação na sexta-feira passada. Segundo o site, os detetives explicaram que algumas das contusões no corpo de Natalie eram incompatíveis com a morte por afogamento. No entanto, indicaram que ainda não podem demonstrar de maneira definitiva se a morte da atriz foi acidental ou um crime.

Leia também:  Capitão culpa ex-marido de Natalie Wood por morte da atriz

A polícia de Los Angeles decidiu reabrir as investigações sobre o trágico fim da protagonista de "Amor Sublime Amor" em novembro de 2011, após receber informações "confiáveis" e "críveis" de "várias fontes" que geravam novas dúvidas.

Natalie Wood foi indicada ao Oscar de melhor atriz coadjuvante pelo trabalho em "Juventude Transviada" (1955) e ao Oscar de melhor atriz por "Clamor do Sexo" (1961) e "O Preço do Prazer" (1963).

    Leia tudo sobre: natalie woodmorteinvestigação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG