Michael Bay promete mudanças em "Transformers 4"

Cineasta afirma que história do novo filme não será continuação dos anteriores

iG São Paulo |

O cineasta Michael Bay, diretor dos filmes da franquia "Transformers", disse em entrevista ao LA Times que o novo capítulo da série não será uma continuação dos demais. "Estamos deixando os três primeiros longas para trás", disse.

Siga o iG Cultura no Twitter

Mesmo assim, Bay acha errado classificar o quarto "Transformers" como um reboot. "Eu não quero usar o termo 'reboot' porque as pessoas vão associar ao que estão fazendo com o Homem-Aranha, que está recomeçando do zero. Não faremos isso", afirmou Bay. "Pegaremos a história dos três filmes e a levaremos a uma nova direção".

Questionado sobre a história deixar o planeta Terra no quarto filme, o cineasta disse que pode ocorrer, mas com ressalvas. "Quero sair um pouco daqui, mas não pretendo fazer uma história com muita ficção científica. Vamos ficar com os pés no chão. Isso é o que funciona nesses filmes, o que os faz acessíveis".

O cineasta revelou que "Transformers 4" deve custar US$ 165 milhões - US$ 30 milhões a menos que o filme anterior, "O Lado Oculto da Lua" . Além disso, o filme, com estreia prevista para junho de 2014, será o primeiro da franquia sem o ator Shia LaBeouf - e o último com Bay na direção.

    Leia tudo sobre: Michael BayTransformerscinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG