Ficção infantil de diretor carioca não empolga no Cine PE Festival

Foi apresentado na mostra competitiva o longa “Corda Bamba, História de uma Menina Equilibrista”, de Eduardo Goldenstein

Valmir Moratelli, enviado a Recife (PE) |

O longa-metragem inédito de ficção infantil “Corda Bamba, História de uma Menina Equilibrista”, do diretor carioca Eduardo Goldenstein, foi apresentado na segunda-feira (30), no Cine PE Festival do Audiovisual.

O filme conta a história de uma menina de dez anos que nasceu no circo, mas que precisa morar com a avó na cidade após um trágico acontecimento.

“É uma felicidade e uma honra muito grande apresentar esse filme no Cine PE. O projeto nasceu de uma imagem de uma menina andando na corda bamba, no topo de um prédio. Trago essa imagem comigo desde a infância, graças ao livro homônimo, de Lygia Bojunga. Essa imagem vem me inspirando há muito tempo e espero que o filme inspire vocês também”, disse o diretor, ao lado dos atores Bia Goldenstein, Georgiana Góes, Gustavo Falcão, Augusto Madeira e Claudio Mendes.

A jovem atriz Bia Goldenstein é filha do diretor. Quando soube que o pai planejava fazer um filme baseado na história, a menina pediu para interpretar a personagem Maria. Inicialmente, Eduardo não gostou muito da ideia, mas após a filha insistir e ele avaliar bem, acabou escalando-a para o elenco.

“Corda Bamba, História de uma Menina Equilibrista” tem uma narrativa arrastada. E, por vezes, óbvia. A menina que anda sobre cordas, assim como os demais atores, não consegue transmitir o carisma necessário para que o público embarque numa história lúdica e de fantasias infantis. O começo é até promissor, com a naturalidade que a mulher-barbada anda pelas ruas do centro de São Paulo, ou com a graça que tenta fazer o mágico atrapalhado. E só. O resultado é um filme que, ao invés de tocar crianças e adultos, passa longe da magia dos picadeiros.

Programação

Durante o feriado deste 1° de maio, a programação começa, às 17h, com a exibição do longa em competição “Boca”, de Flávio Frederico. No elenco, estão os atores Daniel de Oliveira, Hermila Guedes, Paulo César Peréio e Leandra Leal. Em seguida, a Mostra Competitiva de Curtas-Metragens apresenta três produções: a animação “Dia Estrelado” (PE), de Nara Normande; e as ficções “A Fábrica” (PR), de Aly Muritiba e “Sonhando Passarinhos” (DF), de Bruna Carolli.

A noite termina com a exibição de dois longas-metragens de Pernambuco: “Na Quadrada das Águas. São os dois últimos filmes na mostra competitiva. Na noite desta quarta (2) serão conhecidos os vencedores do Cine PE Festival do Audiovisual.

Divulgação
Elenco do filme "Corda Bamba, História de uma Menina Equilibrista"

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG