"Não sou grande fã de ficção científica", confessa Guy Pearce

Ator britânico estrela em breve dois filmes do gênero, "Lockout" e o esperado "Prometheus"

EFE |

Famoso por "Amnésia" (2000), o ator britânico Guy Pearce fará em 2012 seus primeiros grandes trabalhos no gênero da ficção científica, uma viagem que começou com a estreia na última sexta-feira nos Estados Unidos de "Lockout", filme em que interpreta um herói cheio de sarcasmo.

Pearce, de 44 anos, conversou com a Agência Efe sobre sua estreia "espacial" e sua participação no esperado filme de Ridley Scott "Prometheus" , que chegará aos cinemas em junho.

"Não sou um grande fã de ficção científica. É um território desconhecido, mas fascinante", admitiu o ator nascido no Reino Unido e criado na Austrália, onde seu interesse por esse gênero se limitou na infância e adolescência às séries de televisão "Star Trek" e "Space 1999".

Divulgação
Guy Pearce em "Lockout": resgate em prisão no espaço
Essa distância continuou durante grande parte de sua versátil carreira, que tem papéis que vão de drag queen, em "Priscilla, Rainha do Deserto", a rei da Inglaterra em "O Discurso do Rei". Não faltaram romance, suspense e ação com filmes como "Los Angeles - Cidade Proibida", "Guerra ao Terror" e "O Discurso do Rei".

Em "Lockout", Pearce interpreta Snow, um ex-agente do governo em uma missão que parece suicida. Ele é enviado a uma prisão futurista no espaço para resgatar a filha do presidente dos EUA de presos que tomaram controle do centro penitenciário.

Siga o iG Cultura no Twitter

O filme também marca a estreia dos diretores irlandeses James Mather e Stephen Leger, e foi produzido pelo francês Luc Besson ("O Profissional"), que deu a ideia para a trama.

O toque de Besson está presente, sobretudo, no personagem de Pearce, cujo humor particular e extremamente irônico lembra o usado por Bruce Willis na série "Duro de Matar" e em "O Quinto Elemento", mais famosa das criações do cineasta francês.

"Esses personagens de Bruce Willis têm certa irreverência e acho que Snow tem qualidades similares", reconheceu Pearce. "Em vez de interpretar um herói de ação honesto, os diretores queriam assegurar que realmente (para Snow) não importava salvar a filha do presidente. Ele estava mais interessado em resgatar seu amigo dessa prisão no espaço."

Apesar dos efeitos especiais de "Lockout", o humor dá à história um tom de comédia que dificulta a tarefa do público de levar a sério o suspense e a ação.

Divulgação
Guy Pearce: tipo "Bruce Willis" em "Lockout"
Numa dessas cenas de ação, Pearce levou um susto. "Há uma cena na qual atiro em alguém num túnel muito pequeno e o cartucho da arma voou até entrar pela parte de trás da minha camisa e me queimou nas costas", contou.

Apenas dois meses após "Lockout", Pearce reaparecerá em "Prometheus", o próximo projeto de Ridley Scott, que nasceu como um prelúdio de "Alien - O Oitavo Passageiro", embora tenha derivado de um produto independente no qual o ator se transforma no único vínculo entre ambas histórias.

Pearce interpreta o visionário cientista Peter Weyland, fundador da Weyland Corporation, empresa que está por trás de uma viagem de exploração espacial a bordo da nave Prometheus em busca de formas de vida alienígenas.

Em "Alien" foi essa mesma companhia, junto com outra chamada Yutani, que estava por trás da colonização humana do universo.

Como uma prévia de "Prometheus", um dos filmes mais esperados do ano, a Fox lançou na internet um vídeo no qual se vê Weyland dando uma palestra no ano de 2023 na TED (organização sem fins lucrativos dedicada às "ideias dignas de divulgar"). O clipe foi assistido por milhares de pessoas.

"É incrível, embora não me surpreenda porque há muita gente interessada em 'Prometheus'", afirmou Pearce, ressaltando que não se inspirou em nenhuma figura do setor tecnológico, como Steve Jobs ou Bill Gates, para seu papel de guru da tecnologia.

O ator, que esteve descansando vários meses após um 2011 cheio de projetos, também estará nas telonas em agosto em um filme de gângsteres que tem o título provisório de "The Wettest County".

    Leia tudo sobre: guy pearcelockoutprometheuscinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG