Leilão em Nova York reúne trabalhos de alguns dos mais destacados fotógrafos do século 20

Um autorretrato de 1979 de Andy Warhol, onde o artista aparece com os olhos fechados em uma polaroid de grande formato, foi vendido nesta segunda feira por US$ 254,5 mil em um leilão dedicado a essa técnica fotográfica, e que teve uma paisagem de Ansel Adams vendida por US$ 700 mil.

Outro autorretrato muito similar do artista americano, também de mais de 60 centímetros de comprimento por mais de 50 de largura, embora nesta ocasião com os olhos abertos e a cabeça ligeiramente inclinada, foi comprado por US$ 146,5 mil, comissões incluídas. As duas fotos foram vendidas em sessão organizada pela casa Sotheby's, que continuará na terça-feira em Nova York, para vender uma coleção de mais de mil trabalhos de alguns dos fotógrafos mais destacados do século XX recopilada por Edwin Land, o criador da Polaroid.

O leilão oferece a oportunidade de comprar instantâneas - não apenas no formato clássico de polaroid - de grandes figuras da arte, como Peter Beard, Robert Frank, William Wegman, David Hockney, Andy Warhol, Robert Mapplethorpe e, principalmente, Ansel Adams, que terá cerca de 400 fotos vendidas.

Também foi negociado nesta segunda-feira hoje um grande mural de 177x156 centímetros do intrigante Chuck Close, que costuma fazer retratos de grande tamanho a partir de fotografias e que paradoxalmente sofre uma estranha doença chamada prosopagnosia, que permite que reconheça rostos humanos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.