Artista californiano faz esculturas com cartões de crédito

Cain Motter utiliza arte para protestar contra a forma de operação das empresas

BBC Brasil |

selo

O artista plástico Cain Motter, que mora na Califórnia, Estados Unidos, decidiu usar um material inusitado para suas esculturas: cartões de crédito.

Tudo começou na época em que o artista estava na universidade e recebeu uma oferta de um cartão de crédito pelo correio, dizendo que era bom possuir um para o caso de uma emergência. Ele aceitou e em seguida recebeu, pelo correio, um cheque de US$ 50, que depositou em sua conta bancária. Só mais tarde, quando veio uma conta, é que ele percebeu que o dinheiro tinha sido um empréstimo.

Siga o iG Cultura no Twitter

Revoltado, Motter tentou destruir o cartão de crédito no fogo e então notou que o material poderia ser esticado e moldado. A partir daí, o artista resolveu fazer suas esculturas. Ele diz ter aceitado todas as ofertas de cartão de crédito que recebia, para poder usar os artefatos de plástico em suas esculturas.

Mas com isso - e pelo hábito de pagar as contas de um cartão com outro - ele começou a acumular dívidas. Motter espera conseguir pagar as dívidas dos cartões - que parou de usar - com sua arte. As esculturas de Motter estão expostas em uma galeria em Venice, na Califórnia.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG