Argentino vence prêmio de fotógrafo do ano no Sony Awards

Brasileiro ganhou categoria "Sorrisos" entre os fotógrafos amadores

BBC Brasil |

selo

O argentino Alejandro Chaskielberg ganhou o prêmio L'Iris D'Or de melhor fotógrafo do ano, dado pelo concurso Sony World Photography Awards, um dos mais prestigiosos prêmios de fotografia do mundo. A entrega do prêmio ocorreu nessa quarta-feira, em Londres.

A competição, que premia fotógrafos profissionais e amadores, atraiu em 2011 um número recorde de participantes - foram mais de 105 mil inscrições de 162 países. Chaskielberg ganhou o L'Iris D'Or com imagens de habitantes das ilhas do delta do rio Paraná, ao norte de Rosário, na Argentina. O rio passa por Brasil, Argentina e Paraguai. As imagens do argentino também ficaram em primeiro lugar na categoria "Pessoas".

Entre os fotógrafos amadores, o brasileiro Carlos Henrique Reinesch foi o vencedor na categoria "Sorrisos", com a imagem de um homem amputado sorrindo enquanto vende fitas de Nosso Senhor do Bonfim, na Bahia.

O presidente do júri do Sony World Photography Awards, Francis Hodgson, disse que os jurados não tiveram dificuldade em escolher as imagens do argentino Chaskielberg. "Estas imagens cuidadosamente direcionadas contam verdades sólidas - sobre trabalho pesado, comunidade e sobrevivência econômica marginal - de uma maneira esplendidamente alusiva", afirmou.

Na competição profissional, as imagens foram divididas em 15 categorias separadas em três gêneros - Fotojornalismo e Documentários (categorias Atualidades, Questões Contemporâneas, Pessoas, Arte e Cultura, e Esporte), Belas Artes (Arquitetura, Retrato, Paisagem, Natureza Morta e Conceitual) e Comercial (Campanha, Viagem, Estilo de Vida, Natureza Morta e Moda). Já os amadores foram divididos em dez categorias: Ação; Após o Escurecer; Arquitetura; Arte e Cultura; Moda; Natureza e Vida Selvagem; Panorâmica; Pessoas; Sorrisos e Viagem.

    Leia tudo sobre: fotografia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG