Grafiteiro usa Banksy e Tom Hanks em paródias improváveis e engraçadas; veja

Por Camila Alam , especial para o iG |

compartilhe

Tamanho do texto

Norte-americano Hanksy cria peças que misturam referências a ícones da cultura pop e faz citações a outros artistas de rua

As obras do norte-americano Hanksy mais parecem memes de internet. E não é por acaso. Há três anos, o artista uniu desenhos que deram fama ao inglês Banksy a imagem do ator mais queridinho dos Estados Unidos, Tom Hanks. Os mashups geraram stencils engraçados e inusitados que, espalhados pelo Istagram, logo se transformaram em viral.

'Big Pun', obra de Hanksy exibida na galeria Krause. Foto: Divulgação'Bad Artists Imitate', trabalho do grafiteiro Hanksy. Foto: Divulgação'HAMuel L. Jackson', do grafiteiro Hanksy. Foto: DivulgaçãoTrabalho 'R2D2pac', de Hanksy. Foto: DivulgaçãoTrabalho do grafiteiro Hanksy. Foto: DivulgaçãoHanksy ao lado de um de seus trabalhos. Foto: Divulgação'Stairway to Kevin', de Hanksy. Foto: Divulgação'The Walken Dead', de Hanksy. Foto: DivulgaçãoTrabalho 'Polar Bear', do grafiteiro Hanksy. Foto: Divulgação'Bad Artists Imitates', do grafiteiro Hanksy. Foto: Divulgação

“Claro, a América ama o Tom Hanks e ama o Banksy. Não vou mentir e dizer que não sabia que faria sucesso”, assumiu recentemente ao jornal "The New York Times". Mas também não demorou para os grafites saírem da web e chamarem atenção de galeristas de Nova Iorque. Representado pela Krause Gallery, teve o acervo de duas de suas três exposições individuais totalmente vendidos.

Siga o iG Cultura no Twitter

Desde que postou a primeira obra, em 2011, o americano vem criando peças que misturam referências e fazem trocadilhos, sempre juntando ícones da cultura pop e citações a outros artistas. Nas suas mãos, as obras mais lembradas de Banksy ganham outra versão, como na famosa “Catch me if you can”, onde o rosto de Tom Hanks faz alusão ao filme "Prenda-me se for Capaz".

Outra conhecida obra de Bansky com manifestante arremessando um buquê de flores foi transformada em Hanks jogando Sr. Wilson, a bola de vôlei que acompanhava o personagem do filme "O Naufrágo".

Unindo bobeiras como essas a sacadas bem humoradas, Hanksy se mantém anônimo, assim como o inglês em quem se inspira. Mas não liga de expor alguns detalhes da sua vida.

Sabemos, por exemplo, que ele é um ex-estudante de direito de 30 anos, especialista em media social e sócio de um restaurante no Lower East Side, ao sul de Manhanttan.

No começo do mês, chamou alguns amigos para invadir uma casa abandonada no East Village, entre eles Icy and Sot, A.S.V.P. e Gilf!. Juntos, pintaram todas as paredes do imóvel e abriram para visitação por apensas duas horas. A ação foi toda documentada e editada por Nicolas Heller, diretor de videoclipes de hiphop, e pode ser vista no vídeo abaixo.

Hanksy Presents: Surplus Candy from Ricky Shabazz on Vimeo.


Leia tudo sobre: hanksybanksygrafitestreet artarte

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas