Norte-americano leva pintura de Picasso em rifa online de R$ 320

Por BBC Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Instituição de caridade emitiu 50 mil bilhetes para sorteio de quadro de 1914, avaliado em US$ 1 mi (R$ 2,34 milhões)

BBC

Um americano que pagou apenas 100 euros (R$ 320) por um bilhete em uma rifa de caridade online ganhou uma pintura de Pablo Picasso avaliada em US$ 1 milhão.

Jeffrey Gonano, de 25 anos, disse que estava procurando uma pintura para pendurar em sua parede quando leu um artigo sobre a obra sendo rifada pela Sotheby's, em Paris.

L'Homme au Gibus (Homem com Chapéu de Ópera) tinha sido comprada por uma instituição de caridade que trabalha para salvar a antiga cidade libanesa de Tiro.

AP
'L'Homme au Gibus', de Pablo Picasso

A entidade emitiu 50 mil bilhetes a 100 euros cada, esperando levantar US$ 5 milhões. O bilhete premiado de Gonano foi escolhido por um sistema de computador na quarta-feira.

"Eu estava olhando para a obra e pensei que poderia muito bem tentar", disse Gonano, gerente de projetos em uma empresa de extintores de incêndio na Pensilvânia. Apesar do valor de sua nova aquisição, ele diz que não pretende vender a obra, pelo menos por enquanto.

Organizadores disseram que compradores de todo o mundo tomaram parte no sorteio, com um grande número nos Estados Unidos.

Siga o iG Cultura no Twitter

A pintura, de 1914, tinha sido comprada de uma galeria de Nova York pela entidade de caridade Associação Internacional para Salvar Tiro com a ajuda de um empréstimo bancário de grande porte.

A associação informou ter pago um pouco menos do que US$ 1 milhão estimados pelos especialistas da Sotheby's.

O neto de Picasso, Olivier Picasso, estava entre os que promoveram a venda dos bilhetes. Ele disse que seu avô teria aprovado a iniciativa.

"Meu avô foi um dos pioneiros em tudo, em sua vida amorosa, em sua obra, por isso hoje eu tenho certeza que ele teria ajudado a causa", disse ele .

Leia tudo sobre: picassorifaartes plásticas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas