Trilha sonora de valsas tocadas por piano e acordeão não devem ser mantidas na versão para teatro do bem sucedido filme francês

Reuters

Reprodução
"O Fabuloso Destino de Amélie Poulain"

"O Fabuloso Destino de Amélie Poulain", filme francês que fez sucesso no mundo todo em 2001, vai virar musical na Broadway, com uma adaptação a cargo do compositor norte-americano Dan Messe.

A montagem é parte de uma tendência na Broadway de adaptar filmes de sucesso para o formato de musical cênico. "Matilda", "O Rei Leão" e "Billy Elliot" já tiveram esse destino.

"Amélie", filme alto-astral ambientado no bairro parisiense de Montmartre e dirigido pelo francês Jean-Pierre Jeunet, conta a história de uma excêntrica garçonete que se empenha em fazer o bem para os outros, mas sofre para encontrar o amor.

Indicado a cinco Oscars, vendeu 23 milhões de ingressos no mundo todo e impulsionou a carreira da atriz Audrey Tautou. Foi o filme francês de maior sucesso fora da França até ser destronado por "Intocáveis", no ano passado.

Muitos críticos, no entanto, o achavam açucarado demais, e a trilha musical composta por Yann Tiersen também foi recriminada. Messe garante que o musical será bem diferente, sem recorrer às valsas tocadas em piano e acordeão.

"Não estou interessado em fazer música parisiense. Acho que nem vou usar acordeão na minha trilha", disse ele em uma recente entrevista à revista norte-americana Paste.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.