Museu norte-americano faz transmissão ao vivo do túmulo de Andy Warhol

Por BBC Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Iniciativa faz parte de comemorações do aniversário do artista, que completaria 85 anos nesta terça-feira (6)

BBC

Um museu dedicado ao artista americano Andy Warhol, morto em 1987, iniciou uma transmissão ao vivo por webcam do túmulo onde ele está enterrado em Pittsburg, nos Estados Unidos.

A iniciativa faz parte das comemorações pelo aniversário de Warhol, que completaria 85 anos nesta terça-feira (6).

Divulgação
O artista Andy Warhol

O projeto foi intitulado 'Figment' ('ficção', em tradução livre), em alusão à palavra que o artista pediu para ser gravada em sua lápide, informou o Museu Warhol, também em Pittsburgh.

O desejo, entretanto, nunca se concretizou. A lápide de Warhol, localizada em um cemitério no subúrbio da cidade, possui apenas o sobrenome original do artista, Warhola, as datas de seu nascimento e morte e uma cruz.

Ele tornou-se famoso por sintetizar o movimento conhecido como pop art, que criticava a massificação da cultura popular capitalista.

Siga o iG Cultura no Twitter

O vídeo começou a ser transmitido à meia-noite da segunda-feira.

O diretor do museu, Eric Shiner, afirmou que o museu decidiu chamar o projeto de 'Figment' por causa de uma famosa frase de Warhol: "Eu sempre pensei que gostaria que a minha própria lápide estivesse em branco. Sem epitáfio ou nome. Bem, na verdade, eu gostaria que nela constasse a palavra 'Figment'".

Transmissão ao vivo

Shiner afirmou que o museu decidiu que a webcam instalada na lápide "seria uma forma realmente fantástica de colocar Andy no ar 24 horas por dia durante sete dias por semana para uma audiência global".

"Nós acreditamos que isso daria a Warhol o prazer de saber que ele ainda está conectado e ligado 25 anos após a sua morte."

Leia também: Fotógrafo fala sobre imagens de Andy Warhol como mulher

Imagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: DivulgaçãoImagem da exposição 'Lady Warhol'. Foto: Divulgação

A empresa EarthCam, que está por trás do projeto da webcam em parceria com o museu, informou que também haverá uma transmissão de vídeo ao vivo da igreja onde Warhol foi batizado. As pessoas poderão enviar flores e observar enquanto elas são colocadas sobre o túmulo.

Warhol, que está enterrado perto de seus pais no Cemitério Católico Bizantino São João Batista, era católico fervoroso. Ele ia à missa todos os dias para rezar, afirmou Shiner.

Seu túmulo é visitado por centenas de pessoas todos os anos. Muitas depositam ali objetos que caracterizaram suas obras de arte, como a lata de sopas Campbell e garrafas de Coca-Cola.

Warhol, que também era cineasta, afirmou, em certa ocasião, preferir os filmes às pinturas porque considerava fazer cinema "mais fácil".

Um de seus filmes, com oito horas de duração, que retratava o cair da noite no edifício do Empire State, em Nova York, consistiu em uma única tomada do cartão-postal da cidade.

O local onde o artista está enterrado também é objeto de outro projeto em andamento, da artista Madelyn Roehrig, chamado 'Figments: Conversations with Andy Warhol' (Conversas com Andy Warhol, em tradução livre).

Roehrig está filmando as pessoas que visitam o túmulo de Warhol e fotografando os objetos que seus fãs deixam no lugar.

Leia tudo sobre: andy warhol

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas