Mesmo que proibido na Inglaterra, só podendo ser pintado se houver consentimento do dono do muro ou casa, o grafite já toma conta de grandes murais

BBC

Nos últimos anos, um outro tipo de atração em Londres tem se destacado juntamente com os grandes museus, galerias de arte e prédios históricos famosos, como ponto de visitação obrigatório dos milhares de turistas que visitam a capital britânica.

Nas áreas próximas a Brick Lane, uma conhecida rua do leste de Londres, o grafite que toma conta de grandes murais já atrai pessoas interessadas neste tipo de arte urbana.

Alguns artistas como David Walker e Ben Slow hoje já são reconhecidos internacionalmente e têm seus trabalhos vendidos em versões impressas em suas próprias lojas.

Siga o iG Cultura no Twitter

No Festival de Arte Urbana, os artistas também têm a oportunidade de mostrar seu talento ao grande público em áreas como o bairro de Dulwich no sudeste de Londres.

Apesar de ter um apelo positivo, o grafite é proibido na Inglaterra e só pode ser pintado se houver consentimento do dono do muro ou casa onde o trabalho é realizado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.