Fotógrafo usa polaroid para retratar litoral decadente da Europa

Por BBC Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Em cartaz em Londres, fotos de Rhiannon Adam fazem referência a uma era em que a câmera estava no auge

BBC

"A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido" é o título de uma exposição em cartaz em Londres que apresenta fotografias de localidades litorâneas europeias que entraram em declínio, com um foco nas cidades de Benidorm, na Espanha, e Margate, na Grã-Bretanha.

"Estas fotografias mostram a decadência das duas cidades litorâneas, mas fazem referência a uma era em que a fotos com Polaroids estavam no seu auge e essas cidades estavam em efervescência", diz o autor das fotos, Rhiannon Adam.

Imagem da exposição "A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido". Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição "A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido". Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição "A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido". Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição 'A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido'. Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição 'A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido'. Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição 'A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido'. Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição 'A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido'. Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição 'A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido'. Foto: Rhiannon AdamImagem da exposição 'A Viagem é o Destino: Aventuras com Polaroid com Filme Vencido'. Foto: Rhiannon Adam

"De certa forma, o declínio de destinos costeiros como Margate ocorreu devido à popularidade de pacotes turísticos do fim dos anos 1950, que favoreceram lugares como Benidorm."

Siga o iG Cultura no Twitter

Adam também ressalta as diferenças de se trabalhar com a câmera polaroid, que produz fotos instantâneas. "Minhas fotos estão em direta oposição às imagens digitais.

Eu uso Polaroids não porque elas são convenientes, mas porque trata-se de um meio com regras únicas e particulares que criam um misticismo e honestidade inimagináveis com a fotografia digital", explica o fotógrafo.

A mostra pode ser vista no The Mill Co. Project até o dia 31 de maio, na capital britânica. As fotos também serão parte de um livro chamado Dreamlands, Wastelands ("Lugares dos sonhos, paraísos perdidos", em tradução livre).

Leia tudo sobre: fotografiarhiannon adampolaroid

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas