Exposição sobre nudez masculina faz sucesso e cria polêmica em Viena

Cartaz com jogadores de futebol pelados estão espalhados pela capital austríaca; mostra com obras de Cézanne e Andy Warhol tem atraído mais visitantes do que a dedicada à Klimt

Reuters |

Reuters

A população de Viena tem lotado uma exposição de arte sobre a nudez masculina que causou polêmica antes de sua abertura este mês, com pôsteres de três jogadores de futebol nus espalhados pela capital austríaca.

O Museu Leopold informou na terça-feira que a exposição dos "homens nus" estava atraindo mais visitantes do que a dedicada a Gustav Klimt, realizada este ano, a fim de marcar o 150º aniversário do pintor simbolista austríaco.

"Isso não era de se esperar, pois Klimt é um destaque de Viena", disse o porta-voz do museu, Klaus Pokorny, acrescentando que a exposição atual é inédita. "As pessoas estão curiosas."

Siga o iG Cultura no Twitter

Mais de mil pessoas – em alguns dias, mais do que o dobro disso – têm visitado o museu diariamente desde que a exposição foi aberta no dia 19 de outubro, afirmou Pokorny.

Este mês, o Museu Leopold havia dito que decidira cobrir as "partes íntimas" dos jogadores de futebol nos pôsteres anunciando a exposição porque eles tinham causado reclamações.

Chamada "Vive La France", a fotografia original dos artistas franceses Pierre & Gilles, com os três homens de diferentes raças vestindo apenas meias azuis, brancas e vermelhas e chuteiras,  pode ser vista agora no Leopold entre cerca de outras 300 obras de arte.

Programada para até 28 de janeiro, a exposição tem como objetivo mostrar como a representação da nudez masculina evoluiu na história da arte.

    Leia tudo sobre: arteexposiçãonudezcézanneandy warholklimt

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG