Curiosidades do Ibope viram tema de mostra em São Paulo

"Opinião - O que o Brasil acha do Brasil" transforma números de pesquisa em exposição com fatos divertidos sobre a sociedade brasileira

Guss de Lucca - iG São Paulo | - Atualizada às

Presente há 70 anos no cotidiano brasileiro, o Ibope, empresa de pesquisa de mercado, é tema da exposição "Opinião - O que o Brasil acha do Brasil", que acontece de 25 de setembro a 18 de novembro no Catavento Cultural, em São Paulo.

Criada por Marcello Dantas, a mostra apresenta de forma leve fatos da sociedade brasileira extraídos dos arquivos do Ibope. "Quando me apresentaram os relatórios de números pensei que isso não daria uma exposição", disse Dantas. "Mas logo descobri que era extremamente divertido levantar esses dados".

Durante um ano, Dantas trabalhou como um arqueólogo nos arquivos do Ibope, levantando dados curiosos que pudessem formar a exposição. Mesmo assim, afirma só ter utilizado 2% das informações da empresa. "Qualquer pesquisa feita pelo Ibope foi encomendada por alguém. Quando descubro que existem dados sobre se as pessoas eram a favor do fechamento das casas de meretrício no anos 1950, é porque alguém pagou por isso - o que é fascinante".

De acordo com ele, o grande desafio foi "conseguir uma linguagem acessível para falar de um assunto sério". Para isso, a mostra foi dividida em espaços temáticos, como o Confessionário, em que entrevistadores da empresa relatam fatos curiosos sobre seu trabalho. "Dizem que enterro de anão e entrevistador do Ibope ninguém nunca viu. Acabamos com uma dessas lendas", brincou.

Nas palavras do presidente do Ibope, Carlos Augusto Montenegro, essa percepção do público não é errada. "Cada vez mais fica difícil encontrar um entrevistador do Ibope, é quase como ganhar na Mega Sena. Na eleição presidencial, por exemplo, entrevistamos duas mil pessoas de um total de 180 milhões de eleitores".

Divulgação
Foto da mostra "Opinião - O que o Brasil acha do Brasil"

Pitacos, confissões e desejos

O espaço do Catavento Cultural dedicado à mostra "Opinião - O que o Brasil acha do Brasil" convida os expectadores a explorar como o brasileiro enxerga a si mesmo. Dividido em temas, o passeio começa mostrando como teve início o trabalho de medição do Ibope na televisão.

O aparelho, que chegou ao País em 1950, entrou na mira do Ibope quatro anos mais tarde. Nessa época, os entrevistadores batiam nas portas das casas e perguntavam "o que você está assistindo agora?".

A medição automática surgiu em 1970, e a audiência em tempo real em 1989. Dentro da mostra é possível avaliar a audiência das emissoras de TV aberta no momento exato da exibição.

Na seção Objetos de Desejos, o visitante descobre quais eram os produtos que os brasileiros queriam ter em diversos períodos: o rádio Zenith nos anos 1940, o walkman Sony nos 1980 e o iPad na atualidade.

Um corredor de supermercado compõe a Dispensa do Brasileiro, parte da mostra em que produtos que marcaram época estão dispostos, como o Leite de Rosas, a pasta de dentes Kolynos e o chá Matte Leão.

O espaço Pitacos compila dados curiosos de pesquisas sobre temas polêmicos. Lá é possível descobrir que 57% dos entrevistados em 1955 disseram que a mulher não deveria gozar dos mesmos direitos desfrutados pelos homens e que 44,4% disseram, em 1975, que achavam a homossexualidade uma anomalia mental.

Os temas voltados para a mídia são os mais interessantes. Entre os Picos de Audiência da TV, dispostos em três telas, é possível rever imagens da morte do piloto Ayrton Senna e a final da Copa do Mundo de 1970. Já na seção Som na Caixa, o visitante vai descobrir quais foram as músicas mais tocadas nas rádios mês a mês, desde 1942.

Opinião - O que o Brasil acha do Brasil
De 25 de setembro a 18 de novembro
Horário: De terça a domingo, das 9h às 17h.
Local: Catavento Cultural - Palácio das Indústrias, Praça Cívica Ulisses Guimarães, s/n, Parque Dom Pedro II, São Paulo
Entrada: R$ 6,00 (R$ 3,00 meia-entrada)

    Leia tudo sobre: IbopeOpiniãosociedade brasileiraexposição

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG