O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Barroso, disse hoje que a cúpula sobre o clima patrocinada pela Organização das Nações Unidas (ONU), em Copenhague, não resultará no acordo que se esperava anteriormente. Ainda assim, Barroso ressalvou que houve avanços em algumas áreas.

"É óbvio agora que nós não obteremos tudo que esperávamos", afirmou Barroso, falando a outros líderes mundiais durante a 15ª Conferência para o Clima (COP-15).

Líderes das nações mais relevantes para a realização de um acordo climático em Copenhague voltaram para a mesa de negociação. A reunião não tem hora para acabar e é a última tentativa de salvar o acordo para evitar uma catástrofe no mundo com o aumento da temperatura. Eles analisam um nova proposta de texto para o acordo - durante a noite, presidentes e outros chefes de Estado se debruçaram sobre os nós para obter um consenso até as 2h. Depois, negociadores continuaram os trabalhos. Com informações da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.