Merkel diz que Copenhague é o 1º passo para nova ordem mundial de clima

Berlim - A chanceler alemã, Angela Merkel, acredita que os resultados da cúpula de Copenhague não devem ser menosprezados, pois constituem um primeiro passo rumo a uma nova ordem mundial do clima.

EFE |

  • Embaixador brasileiro diz que acordo na COP15 é "decepcionante"
  • Para a UE, acordo "não solucionará a ameaça climática"
  • Veja o especial sobre a cúpula de Copenhague
  • Participe da luta pelo acordo climático
  • "Quem menosprezar Copenhague torna-se cúmplice dos que freiam em lugar de avançar", disse Merkel em uma entrevista ao dominical "Bild am Sonntag".

    A chanceler promete que seu Governo porá tudo de sua parte para avançar a partir dos resultados de Copenhague, e o primeiro passo o constituirá a conferência ministerial extraordinária que propôs para meados do ano em Bonn.

    Os resultados da cúpula foram recebidos na Alemanha com várias críticas.

    No entanto, também houve analistas que qualificaram de sucesso o mero fato de se recolher o objetivo de limitar a dois graus o aumento da temperatura em relação aos níveis pré-industriais, algo que não tinha sido aceito oficialmente até agora em escala internacional.

    Leia mais sobre: acordo climático

      Leia tudo sobre: climameio ambientemerkel

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG