Índia pede para prolongar negociação sobre mudança climática em 2010

COPENHAGUE - O primeiro-ministro indiano, Manmohan Singh, afirmou nesta sexta-feira, no último dia da Conferência Climática da ONU, que o tempo restante é insuficiente para se chegar a um acordo e pediu que a negociação sobre o clima continue em 2010.

AFP |

Singh disse que o Protocolo de Kyoto deve ser mantido, insistindo em que não se deve substituí-lo com compromissos mais fracos. O premiê afirmou que é vital que as nações em desenvolvimento recebam a ajuda necessária no cumprimento das metas de redução de emissões.

"Cada um de nós aqui admite que os mais afetados pelas mudanças climáticas são os menos responsávels por ela", afirmou Singh.

A reunião de Copenhague é a 15ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, conhecida como COP15. A Organização das Nações Unidas (ONU) começou a discutir as mudanças climáticas em 1972, em um grande evento em Estocolmo, Suécia. Os encontros se tornaram anuais em 1995, com a COP1, ocorrida em Berlim. A COP16 ocorrerá em dezembro de 2010, na Cidade do México.

Leia também:

Leia mais sobre acordo climático

    Leia tudo sobre: acordo climático

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG