Mateus Prado

Educador analisa o Enem, os vestibulares e o ensino brasileiro

Mateus Prado cursou Sociologia e Políticas Públicas na USP. É presidente nacional do Instituto Henfil e autor de livros didáticos. Presta assessoria em Enem

Enem: como é a prova de Ciências da Natureza

Saúde pública e preservação ambiental são os principais temas

25/10/2010 15:32 - Atualizada às 15:47

  • Mudar o tamanho da letra:
  • A+
  • A-
Compartilhar:

A prova de Ciências da Natureza, no primeiro dia do ENEM, compreende questões de biologia, química e física, com suas inter-relações, e pode ser considerada uma incoerência do Ministério da Educação e Cultura (MEC) em relação às políticas públicas para o Ensino Médio. Segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais, a etapa escolar está dividida em três grandes áreas, sendo que uma delas é "Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias". O ENEM, no entanto, dividiu a área em duas provas, aumentando a importância e o peso de Ciências da Natureza e, sobretudo, de Matemática na prova. Ficaram com peso maior do que o desejável e o necessário para a avaliação do Ensino Médio e para a seleção para o Ensino Superior.

O candidato terá que responder questões sobre oito competências. As cinco primeiras relacionam as ciências naturais às atividades do dia-a-dia em sociedade, com perguntas relacionadas à saúde pública, à preservação do meio ambiente e dos recursos naturais, ao consumo racional e à qualidade de vida. Nas três últimas, propõe temas estudados nas aulas de física, química e biologia do Ensino Médio, reduzindo consideravelmente o conteúdo que os livros didáticos e as apostilas de ensino desta fase da Educação costumam apresentar. A análise de gráficos e tabelas, o uso de ferramentas de estatística e probabilidade, cálculos com regra de três e o conhecimento do sistema internacional de medidas, mesmo que já sejam temas prioritários da prova de matemática, também aparecem nas questões de Ciências Naturais.

Entenda as oito competências exigidas pela prova:

A ciência no dia a dia: Algumas aulas tentam fazer das descobertas científicas verdades absolutas. Nessa primeira competência, o aluno precisa demonstrar que compreende serem as ciências naturais fruto da construção humana, dando soluções para problemas apresentados e indicando benefícios e/ou impactos negativos de tecnologias ligadas à física, à química e à biologia.

Circuitos elétricos e consumo racional: Nem tudo no ENEM é muito racional. Nessa competência estão relacionadas coisas diferentes: as noções básicas de elétrica e eletrônica, a capacidade de compreender manuais de equipamentos e a capacidade de se comportar como um consumidor consciente e responsável. De conteúdo, é importante conhecer bem conceitos básicos de eletricidade, como circuito em série, circuito em paralelo, resistência, tensão, potência e corrente, além de calcular o gasto de energia (em KW/H) de equipamentos. Sobre consumo racional, o ENEM deve propor comparação entre diferentes produtos, como, por exemplo, o que gasta menos energia, qual é melhor do ponto de vista nutricional ou qual tem as características ofertadas na embalagem.

Degradação/Conservação ambiental e ciclo da água: A análise do uso dos recursos naturais e as propostas de intervenção humana que diminuam o impacto da ação do homem no planeta são os temas dessa competência. Para o candidato, é importante identificar impactos negativos na extração e uso dos recursos naturais e reconhecer as melhores práticas para minimizá-los ou eliminá-los. Reduzir, reciclar e reutilizar são as palavras de ordem.

Genética e saúde pública: De conteúdo, será necessário repassar os temas básicos relacionados à genética, como os tipos de reprodução e as diferentes teorias da evolução. A questão da saúde pública do brasileiro irá aparecer, sobretudo em relação às questões sociais em temas sobre higiene, alimentação, saneamento, sexualidade e qualidade de vida.

As ciências naturais apresentadas na vida cotidiana: Será importante a compreensão das linguagens e códigos em que as ciências naturais se apresentam na vida cotidiana e em que o conhecimento científico é apresentado. Também é preciso pensar o desenvolvimento das ciências através de experiências e novas descobertas. Textos, tabelas, gráficos ou símbolos próprios das Ciencias da Natureza (como as várias formas de representação dos elementos químicos e de suas associações) serão usados como instrumentos para a apresentação das questões. Qualidade da água e dos alimentos, saneamento básico e vacinas são temas que deverão aparecer nas questões (itens) da competência de número 5.

Fenômenos Físicos: Aqui o ENEM irá cobrar parte do que é aprendido nas aulas de física. É importante lembrar que nessa, e nas próximas duas competências, o aluno não deve se preocupar com o aprendizado aprofundado dos conteúdos indicados. Um nível médio de conhecimento é suficiente para resolver as situações-problema que serão propostas no exame. Tempo, distância, espaço, força, energia, potência, trabalho, calor, temperatura, dilatação, transmissão de energia, corpo, atmosfera e radiação serão os conteúdos cobrados. Além disso, os alunos precisam conhecer as formas de geração e transformação de energia, sobretudo as mais eficientes e mais modernas. Energias renováveis, biodiesel, hidrelétricas, GNV e pré-sal são os temas mais prováveis para a prova.

Fenômenos químicos: Uma parte da matéria de química será cobrada nessa competência. Em primeiro lugar, a compreensão da linguagem química. Entre os conteúdos mais privilegiados estarão os estados da matéria, as ligações e reações dos elementos químicos, os processos de produção, transformação e consumo de energia, as substâncias químicas (rendimentos e implicações sociais) e as mudanças químicas no meio ambiente, com seus riscos e benefícios.

Biodiversidade, ética em pesquisa e saúde pública: A biologia do ENEM é mais leve que a física e a química. Como a genética já é cobrada em uma competência anterior, na competência 8 aparece a biodiversidade – o aluno precisará mostrar que compreende comportamentos biológicos dos seres vivos nos ecossistemas, principalmente nacionais, e valorizar a ética na pesquisa com eles. Ações voltadas para a promoção da saúde pública nos níveis do indivíduo, da sociedade e do ambiente em que vivemos também aparecem. Como saúde pública já é objeto da competência 4, o assunto é o grande destaque – ao lado de preservação ambiental – da prova de Ciências da Natureza.

* Atualizado em 21/06/2012

Sobre o articulista

Mateus Prado - mateusprado@usp.br - Mateus Prado cursou Sociologia e Políticas Públicas na USP. É presidente nacional do Instituto Henfil e autor de livros didáticos. Presta assessoria em Enem

» Mais textos deste articulista

    Notícias Relacionadas


    Nenhum comentário. Seja o primeiro.


    Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!




    *Campos obrigatórios

    "Seu comentário passará por moderação antes de ser publicado"


    Previsão do Tempo

    CLIMATEMPO

    Previsão Completa

    • Hoje
    • Amanhã

    Trânsito Agora

    INDICADORES ECONÔMICOS

    Câmbio

    moeda compra venda var. %

    Bolsa de Valores

    indice data ultimo var. %
    • Fonte: Thomson Reuters
    Ver de novo