Por: Blog Esplanada

Forças Armadas alertam quartéis e PM cerca Palácio do Planalto

Medidas são preventivas diante de divulgação de denúncias contra Temer

Foto: Agência Brasil
Forças Armadas receberam alerta após crise gerada no Palácio do Planalto com a delação da JBS

Com o vazamento das delações premiadas dos irmãos Joesley e Wesley Batista, do Grupo JBS, que atingem em cheio o presidente da República, Michel Temer, as Forças Armadas se movimentaram bem discretamente sem chamar a atenção, como de praxe para momentos delicados.  

Leia também: JBS abate Temer para salvar IPO nos EUA

Por medida preventiva, diante de eventual convulsão popular, o comando das três Forças ordenou a quartéis estratégicos que os soldados fiquem de prontidão. A medida, ainda não oficial, envolve o QG em Brasília, e de capitais como Rio de Janeiro, São Paulo e Recife.  

Também por prevenção, viaturas da PM de Brasília passaram a rondar a Esplanada dos Ministérios nesta noite, no perímetro do Palácio do Planalto. A região já está cercada desde domingo, com proteção ao Palácio e Congresso Nacional, com a iminente votação em plenário da Reforma da Previdência. O objetivo é isolar as duas edificações de movimentos populares contrários. Mas agora, a segurança se reforçou.