Vídeo: Esqueletos de mil anos são encontrados no México

Antropólogos afirmam que crânios tinham sinais de uma deformação típica de comunidades nativas que viviam na região no século 8

BBC Brasil |

selo

Antropólogos do México anunciaram que os restos mortais de 167 corpos encontrados em uma caverna no sul do Estado de Chiapas têm pelo menos mil anos de idade.

Fazendeiros encontraram os restos em um rancho a cerca de 20 quilômetros da fronteira com a Guatemala e chamaram as autoridades.

Inicialmente, quando os restos foram encontrados, os especialistas pensavam que se tratavam de restos com pelo menos 50 anos de idade.

Leia mais:
Arqueólogos acham esqueletos abraçados há 6 mil anos na Espanha
Arqueólogos acham no Marrocos esqueletos e sepulturas de 5.000 anos
Tumores pré-históricos geram debate sobre o câncer
Obras em Londres revelam cemitério de primeiro hospício do mundo
Cemitério de gladiadores é descoberto na Inglaterra

Mas os antropólogos perceberam que os crânios tinham sinais de uma deformação típica de comunidades nativas que viviam na região há pelo menos mil anos. O Instituto Nacional de Antropologia do México informou que os restos são do século 8.

Os especialistas agora vão tentar descobrir o sexo, idade e grupo étnico de cada um dos restos encontrados.

    Leia tudo sobre: esqueletoméxicoarqueologia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG