Software recria monumentos em 3D a partir de fotos online

Pesquisadores precisaram de um computador e menos de 24 horas para reconstruir os principais pontos de Roma

Alessandro Greco, especial para o iG |

A internet está povoada de milhões de fotos e entre elas estão imagens de monumentos publicadas por pessoas que buscam dividir com o planeta sua visão de maravilhas da humanidade como a Fontana Di Trevi e o Coliseu, em Roma, por exemplo. E graças às imagens geradas por elas, cientistas da computação conseguiram recriar virtualmente esses monumentos em três dimensões.

“Queríamos permitir aos usuários navegar livremente pela cena sem que ele ficasse limitado à visão original das fotos”, explicou ao iG o professor Jan-Michael Frahm, que liderou o projeto feito pela Universidade da Carolina do Norte, em Chapel Hill, Estados Unidos, em parceria com a Instituto Federal de Tecnologia Suíça (ETH-Zurique).

Os pesquisadores focaram em um objetivo: que para conseguir as imagens em 3D, as pessoas precisassem de apenas um computador doméstico. O resultado foi que os principais monumentos de Roma acabaram sendo reconstruídos a partir de 3 milhões de fotos online em menos de 24 horas.

“A velocidade com que fizemos a reconstrução é uma das grandes contribuições do projeto já que ninguém além de nós acreditava que seria possível”, completa Frahm. Algo semelhante aconteceu com Berlim.

A tecnologia, segundo, Frahm, pode ser colocada dentro de aplicativos como o Google Earth e o Bing Maps, que permitem aos usuários explorar as cidades de forma tridimensional do sofá de casa. A técnica também pode ser usada para criar ambientes tridimensionais para games e planejamento urbano, entre outras aplicações.

Veja abaixo: o processo de reconstrução do Coliseu, a Fontana Di Trevi e a Pietà em Roma. E da Catedral de Berlim, da Porta de Ishtar e do Portão de Brandemburgo em Berlim.

    Leia tudo sobre: imagens 3DRomaBerlimflickr

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG