Rússia confirma que cargueiro Progress não chegou a sua órbita

Agência espacial russa informou que nave apresentou problemas após lançamento. Especula-se que Progress tenha caído em terra

AFP |

AFP
Cargueiro Progress foi lançado nesta quarta-feira na base de Baikonur , no Cazaquistão
A agência espacial russa Roskosmos confirmou que o cargueiro russo Progress M12-M, lançado nesta quarta-feira (24) com destino à Estação Espacial Internacional (ISS), não chegou a sua órbita, e algumas fontes asseguram, inclusive, que ele caiu na Terra.

A missão de controle avisou de uma situação anormal no cargueiro Progress às 10h (horário de Brasília). "O cargueiro Progress M12-M não entrou na órbita correta", afirmou Roskosmos em um comunicado que explica que houve um problema após 325 segundos de voo.

"Segundo dos dados preliminares, houve uma falha no sistema de motores", acrescentou a Roskosmos.

O cargueiro foi lançado do cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão. Ele seria acoplado à Estação Espacial Internacional na próxima sexta-feira. A nave carregava 2,9 toneladas de comida e combustível para a ISS. A Estação Espacial Internacional tem suprimentos de comida para mais dois ou três meses.

Segundo a agência Ria Novosti, fragmentos da nave caíram na república russa de Altai, fronteira com a China, Mongólia e Cazaquistão. A agência havia informado anteriormente que a Progress poderia ter caído na Sibéria.

Na semana passada, o satélite de telecomunicações Express-AM4 também entrou em órbita errada .

    Leia tudo sobre: russiaespaçoiss

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG