Pai com dieta rica em gordura aumenta chance de filha diabética

Estudo mostrou alteração nas células produtoras de insulina das descendentes de ratos obesos

Alessandro Greco, especial para o iG |

Pais com dieta rica em gorduras têm uma chance maior de ter filhos obesos ou com diabetes do que pais com uma alimentação mais saudável. A contribuição dos genes para esta relação entre a alimentação dos pais e a obesidade ou diabetes nos filhos já é bem conhecida, mas a influência dos fatores ambientais ainda não era clara.

Um estudo publicado nesta quarta pela revista Nature mostra que há, sim, fatores não genéticos que podem afetar as células produtoras de insulina e ser responsáveis pelo diabetes. “Ficamos surpresos com a descoberta. Sabemos que pais (e mães) contribuem com um fator genético de risco para obesidade/diabetes, mas na pesquisa mostramos um fator de ambiente que é transmitido para os descendentes”, afirmou ao iG Margareth Morris, da Universidade da Nova Gales do Sul, na Austrália, que liderou o trabalho. Mais do que isso, o fator ambiental influenciou a expressão dos genes. “Os descendentes dos pais obesos tiveram uma alteração na expressão dos genes das células que fazem insulina e temos evidência de que isso aconteceu por um caminho não-genético (conhecido como epigenético)”, completou Margareth.

A explicação dos pesquisadores para o fenômeno é de que a dieta do pai possivelmente afetou o esperma dele, alterando sua diferenciação e maturação e, portanto, modificando o estado epigenético do DNA que foi transmitido para o embrião. “Isto pode ter levado a mudanças epigenéticas nos descendentes”, explica Margareth.

Curiosamente, no entanto, os descendentes homens dos ratos pai alimentados com uma dieta rica em gordura foram muito menos afetados. Mas os meninos não devem se animar muito com a notícia. Os pesquisadores estudaram as filhas – e não os filhos – porque os efeitos mais acentuados apareceram nelas logo de cara. “Não podemos excluir a possibilidade de um efeito nos machos. Precisamos continuar a estudar isso”, afirmou Margareth.

    Leia tudo sobre: dietagorduradiabetepaifilha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG