Nasa busca danos no Atlantis após tempestade

Raio caiu a pouco mais de quilômetro de distância do ônibus espacial

EFE |

A agência espacial americana busca possíveis danos na estrutura do Atlantis depois que um raio caiu a pouco mais de um quilômetro de distância do ônibus espacial , cuja decolagem está prevista para amanhã (8), informou a rede de televisão "CNN".

O impacto aconteceu às 12h (13h horário de Brasília), durante uma tempestade elétrica , nos arredores da plataforma de lançamento 39A, de onde se espera que o Atlantis comece amanhã a última missão do programa de ônibus espaciais da Nasa.

EFE
Previsão do tempo para o horário do lançamento do Atlantis é de 70% de chance de chuva

"Por enquanto não há nenhum dano evidente", afirmou o porta-voz da Nasa Allard Beutel a um grupo de jornalistas, segundo o site especializado "Space.com".

No entanto, os engenheiros da Nasa se apressaram em revisar os dados e fazer testes para determinar se o raio afetou o corpo da nave ou qualquer equipamento de apoio à plataforma de lançamento localizada em Cabo Canaveral, no estado da Flórida.

Qualquer dano colocaria em perigo a decolagem do ônibus espacial, programada para as 11h26 (horário da costa leste dos EUA; 12h26 de Brasília). Apesar do dia ter amanhecido nublado e chuvoso e a previsão meteorológica para sexta-feira seja de apenas 30% de chances de condições favoráveis para a decolagem, a Nasa decidiu nesta manhã continuar o planejamento original.

Caso se veja obrigada a adiar o lançamento, a Nasa teria uma janela de oportunidade no sábado, quando as oportunidades favoráveis seriam de 40%, e outra no domingo, quando aumentariam para 60%.

Em entrevista coletiva na manhã desta quinta, Kathy Winters, do serviço meteorológico da Nasa, reconheceu que sua maior preocupação são "as tempestades elétricas" pelas quais teria que atravessar a nave em caso de receber sinal verde.

    Leia tudo sobre: nasaatlantisespaço

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG